PMDB confirma João Merlim como candidato a deputado estadual

Merlim, representou o presidente do diretório local do PMDB , empresário Nami Sabeh, na convenção realizada em São Paulo, no dia 14 de junho.

João Merlim e o presidente estadual do PMDB Baleia Bossi durante convenção em SP (Foto: Divulgação)

Em convenção realizada no Centro de Convenções Barra Funda em São Paulo,no dia 14 de junho de 2013, o PMDB paulista confirmou o nome de Paulo Skaf como candidato ao Governo de são Paulo, tendo como vice o advogado José Roberto Batoquio, do PDT.

Dentre os nomes confirmados como candidatos a Deputado Estadual, João Carlos Merlim, foi confirmado pelos convencionais como candidato por Assis e pelo Vale Paranapanema nas eleições do próximo dia 05 de outubro de 2014, e do empresário Paulo Lima, como candidato a Deputado Federal .

Presidente nacional do PMDB, Senador Valdir Ralp e João Merlim (Foto: Divulgação)

O advogado, professor e consultor empresarial João Merlim, foi recepcionado na convenção pelo presidente nacional do PMDB, Senador Valdir Ralp, que tem vínculos com a região, pois sua esposa tem familiares na cidade de Maracai e pelo presidente estadual Baleia Bossi, grande incentivador da renovação do PMDB em todo o Estado e das novas candidaturas como possibilidade de transformação do cenário do PMDB na recuperação do merecido espaço que sempre teve devido a sua participação histórico nos principais momentos importante do nosso país.

Merlim, representou o presidente do diretório local do PMDB , empresário Nami Sabeh, grande incentivador de sua candidatura.

“Nossa intenção é resgatar a importância que o PMDB sempre teve na cidade e região, colocando nosso nome como opção para aqueles que buscam realmente uma proposta desvinculada do coronelismo e totalmente voltada para os interesses daqueles acreditam que é possível exercitarmos a democracia plena, com direitos e obrigações iguais, como prega a constituição federal de 1988”. Disse Sabeh.

A campanha dos partidos começa a partir do dia 03 de julho, data indica pelo Tribunal Regional Eleitoral.

#MAIS LIDAS DA SEMANA