Polícia dá dica de como não cair no golpe de falso sequestro

É comum vermos pessoas serem extorquidas por marginais que se aproveitando do estado emocional das vitimas conseguem aplicá-lo.

É comum vermos pessoas serem extorquidas por marginais

Apesar das inúmeras reportagens orientando sobre o golpe do Falso Sequestro, ainda é comum vermos pessoas serem extorquidas por marginais que se aproveitando do estado emocional das vitimas conseguem aplicá-lo.

Como funciona
O marginal liga aleatoriamente para um número de telefone e diz que sequestrou alguém da família, geralmente falam “filha ou filho” e a vitima ouve alguém do outro lado da linha chorando e pedindo socorro.

É nesse momento que aproveitando do estado emocional da vitima o marginal consegue obter informações, pois quem está recebendo a ligação acaba associando o choro com seu familiar e sem perceber acaba até falando o nome.

Com essa informação já cedida pela vitima o marginal começa a pedir dinheiro, alegando que se não receber vai matar o suposto sequestrado.

É bom esclarecer as diferenças básicas entre um sequestro real e o falso sequestro.

Num sequestro real o sequestrador passa algumas informações sobre a vitima e desliga dizendo que irá ligar novamente, pois ele não quer ser localizado nem identificado.

No falso sequestro geralmente a ligação é de um código de área de outro Estado ou de número bloqueado. Ele não fala dados sobre a vitima e espera obter alguma informação através do estado emocional da pessoa que está recendo a ligação para então comentar sobre a identidade do suposto seqüestrado. Ele pressiona a vitima para não desligar o telefone até que receba o dinheiro, pois assim tenta evitar que se entre em contato com o suposto seqüestrado e consigam desmascarar o golpe.

COMO EVITAR CAIR NESSE GOLPE

GANHE TEMPO
Ao receber uma ligação anunciando um sequestro, peça rapidamente para alguém que estiver com você faça contato com a pessoa supostamente sequestrada. Mantenha a calma até se certificar que a pessoa está em segurança em algum lugar.

NÃO TENHA MEDO
Não se deixe amedrontar pelas ameaças e leve em conta que, quando os golpistas disserem que não pode desligar é exatamente porque não querem que você descubra que não houve seqüestro algum.

CONFIRME INFORMAÇÕES SOBRE A PESSOA
Você é quem faz as perguntas para averiguar a veracidade dos fatos. Pergunte como é a pessoa, como está vestida. Pergunte sobre informações que somente esta pessoa poderia saber. Ex: Nome do seu cachorro ou apelido de algum familiar.

NÃO FORNEÇA INFORMAÇÕES
Nunca forneça ou confirme qualquer dado seu, ou de seus familiares, como endereços, local de trabalho etc. Se forem verdadeiros sequestradores já saberiam tudo.

JAMAIS ATENDA ESSE NÚMERO
Uma vez verificado que é golpe, o conselho é que ligue para a polícia denunciando o fato e informando o número de origem da ligação. Não atenda nunca mais telefonemas vindos daquele número, em hipótese alguma.

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA