Além de ser proibido pela legislação eleitoral, fixar materiais de propaganda nas estruturas da rede elétrica pode causar acidentes (Foto: Reprodução/Ilustrativa)
Além de ser proibido pela legislação eleitoral, fixar materiais de propaganda nas estruturas da rede elétrica pode causar acidentes (Foto: Reprodução/Ilustrativa)

Em época de Eleições, a Vale Paranapanema, uma empresa do Grupo Energisa, alerta sobre o perigo de acidente ao fixar propaganda eleitoral nos postes da rede elétrica. “Ao subir em postes para fixar cartazes ou outros materiais, as pessoas não utilizam equipamentos adequados, usam materiais condutores como arame para fixar o cartaz ou banner e ficam expostas ao risco de sofrer uma queda ou tomar um choque”, ressalta o engenheiro de segurança da empresa, Vinicius Alferes de Oliveira Motta.

Além de ser proibido pela legislação eleitoral, fixar materiais de propaganda nas estruturas da rede elétrica pode causar acidentes, dificultar o trabalho das equipes da empresa que precisam subir nos postes com agilidade, e ainda, danificar informações de identificação gravadas nas estruturas.

A Lei Federal 9504/97, que regulamenta a atividade eleitoral, determina no artigo 37, que nos bens cujo uso dependa de cessão ou permissão do Poder Público, inclusive postes de iluminação pública, é vedada a veiculação de propaganda de qualquer natureza, inclusive pichação, inscrição a tinta, fixação de placas, estandartes, faixas, cavaletes e assemelhados.

Assim como essa Lei Federal que disciplina a propaganda ao ar livre, muitas cidades possuem leis municipais similares e atuam para evitar a poluição visual ou uso desorganizado de espaços público, contribuindo também para a segurança.

“Todo cuidado com a eletricidade é pouco, pois os acidentes ocorrem em sua maioria por descuido ou imprudência”, diz o engenheiro Vinicius, lembrando que a Vale Paranapanema está à disposição para orientar seus consumidores quanto aos riscos elétricos. “No site www.valeparanapanema.com.br o cliente tem acesso às orientações de como utilizar a energia elétrica com segurança e se desejar pode entrar em contato com a empresa por uma agência de atendimento ao cliente mais próxima e solicitar orientações. Buscar informação também evita acidente!”

Deixe um comentário

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora gratuitamente sua conta e faça parte.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Sepultamentos em Assis neste dia 30 de junho

Em Pedrinhas Paulista, será sepultada a senhora Annunziata Tuccilli Fornazier, de 70 anos.