BASF inicia a sétima edição do Prêmio Top Ciência

Evento deve reunir cerca de 400 profissionais do agronegócio em Campinas (SP)

Acontece hoje na cidade paulista de Campinas a sétima edição do Top Ciência. O evento, promovido anualmente pela BASF, já figura como um dos mais importantes fóruns internacionais de aprendizado e desenvolvimento técnico-científico no mercado agrícola. Dele participam pesquisadores, cientistas, agricultores e consultores de diversos países da América Latina que este ano devem somar mais de 400 participantes. Serão reconhecidos os trabalhos científicos mais inovadores que visam a elevação da produtividade na agricultura da região.

Em 2012 o prêmio já passou pela Argentina (12 e 13 de julho), pelo México (23 e 24 de agosto), pela Colômbia (6 de setembro) e será encerrado no Brasil no dia 4 de outubro, onde os melhores trabalhos de toda América Latina serão reconhecidos. São cerca de 20 cultivos pesquisados, entre eles: soja, milho, arroz, feijão, trigo, girassol, café, algodão, cana-de-açúcar, citros, amendoim e hortifruti (tomate, batata, uva, melão, manga e maçã).

Esta edição do evento está atrelada ao conceito da campanha multimídia “Um Planeta Faminto e a Agricultura Brasileira”, lançada pela BASF em 2010 e que já impactou cerca de três milhões de pessoas, tornando-se uma referência no mercado agrícola. Até 2012, o prêmio já reuniu cerca de 1600  estudos. Nesta edição, só no Brasil, foram mais de 235 inscritos e ao todo serão serão reconhecidos 23 pesquisadores.

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA