PRIMEIRO DE MAIO: DIA DO TRABALHO

Por Professor Márcio Alexandre da Silva

Primeiro de maio, dia do trabalho! Que trabalho? Onde? O que é isso? Essa palavra esta escassa para muitos brasileiros…

O professor e palestrante Gretz disse certa vez “Ter emprego não é ter um serviço, e sim fazer algo de útil na vida. Viabilize os talentos e as coisas que estão ao seu lado. Não fique sempre achando que o outro é privilegiado e tem mais oportunidade do que você”.

Uma considerável parcela da população ativa não tem emprego. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Pesquisa (IBGE) constata que os índices de desemprego vêm crescendo nos últimos meses.

É lastimável a parcela da população que não tem emprego digno para sanar suas necessidades básicas.

Mas também é desesperador a situação dos trabalhadores que ganham seus salários, e são revertidos em impostos, para que alguns políticos usem inadequadamente esse dinheiro.

Cabe ressaltar que o dinheiro da corrupção de alguns políticos daria para termos mais médicos nos postos, remédios, segurança pública, mais policiamento, investimento e infraestrutura e todas as “balelas e tagarelice” que todos conhecem e já casaram de ouvir… mas isso poderia salvar vidas!

Com certeza se os políticos desonestos parassem de roubar de hoje ao próximo dia do trabalho, em 2017, comemoraríamos, mais emprego, saúde, educação e vida digna.

Como diz a música de Renato Russo. “Nas favelas, no senado/ Sujeira pra todo lado/ Ninguém respeita a constituição/ Mas todos acreditam no futuro da nação” (música: Que País é esse?).

Feliz dia do trabalho! Só se for para alguns políticos que fazem dessa belíssima arte da política uma profissão e não uma vocação.

Felizmente temos políticos honestos, devemos cobrar desses, atitudes para que a política seja mais ética no país, no estado e na nossa cidade.

FELIZ DIA DO TRABALHO!

#MAIS LIDAS DA SEMANA