Apenas candidatos genéricos…

Por Carlos R. Ticiano.

Analisando os currículos dos candidatos que registraram suas candidaturas para disputarem os cargos de Presidente da República, Senadores, Deputados Federais e Deputados Estaduais no próximo pleito eleitoral, reconheço que o currículo de um gari, tem muito mais credibilidade, conteúdo e veracidade.

Diante deste fato, acredito que estamos diante de um lote de candidatos genéricos. Mesmo trazendo em suas embalagens, uma tarja amarela com a letra (G) e contendo o mesmo principio ativo de um candidato de referência, deixam o eleitor encabulado a ponto de optar na hora do voto pela parlenda: Minha mãe mandou votar neste daqui. Mas como eu sou teimoso, vou votar neste daqui!…

Para se ter uma idéia, a maioria deles nem trazem uma bula em suas embalagens, e os que trazem, por mais estudo que você possa ter, dificilmente vai conseguir decifrar e entender suas verdadeiras intenções para com o eleitor. Analisemos então, as informações da bula para os pacientes, digo, eleitores…

(01) Para que estes candidatos são indicados? Os candidatos são indicados para eleitores destemidos, corajosos, arrojados e audaciosos. Se você tem síndrome de pânico, evite encontrar-se com um candidato e não se aproxime de uma urna eletrônica.

(02) Como estes candidatos funcionam? Os candidatos, de um modo geral funcionam a base de pilhas recarregadas, ou seja, andam devagar quase parando.

(03) Quando não devo usar estes candidatos? Os candidatos não devem ser usados com o prazo de validade vencido e nem se estiverem com sua embalagem violada.

(04) O que devo saber antes de usar estes candidatos? Os candidatos antes de serem usados, devem ser exaustivamente sabatinados, a respeito do seu plano de governo.

(05) Onde, como e por quanto tempo devo guardar estes candidatos? Os candidatos devem ser trancafiados a sete chaves, por tempo indeterminado e se possível em quarentena.  

(06) Como devo usar estes candidatos? Os candidatos devem ser usados por pessoas maiores de idade, de forma moderada e sem exageros.

(07) O que devo fazer quando se esquecer de usar estes candidatos? Os candidatos de um modo geral são difíceis de serem ignorados e raramente vão ser esquecidos de usá-los.

(08) Quais os males que estes candidatos podem causar? Os candidatos podem trazer diversos males, entre eles a corrupção, desmoralização, suborno, favorecimento e falsificação.

(09) O que fazer se usar estes candidatos em quantidade maior do que a indicada? Os candidatos dificilmente vão ser ingeridos de forma abusiva. Se isto acontecer, o máximo que pode ocorrer é um desconforto abdominal, causado por flatulência (excesso de gases).  Neste caso, um bom antiácido resolve.

(10) Não se esqueçam! Todo candidato deve ser mantido fora do alcance das crianças e de animais domésticos…

Diante destes esclarecimentos, não corra riscos com a automedicação, adquira candidatos somente em comitês legalizados com receituário. Nunca em lojas de conveniências, padarias, academias e de vendedores ambulantes. Respeite os horários, as doses e a duração do período eleitoral. Em caso de reação alérgica, suspenda imediatamente o uso do candidato e ligue para o (0800) da bula, para uma melhor orientação.

VEJA TAMBÉM

Carlos R. Ticiano

Guerras & Epidemias…

Carlos R. Ticiano

A triste realidade…

#MAIS LIDAS DA SEMANA