Já reparou que todo mundo tem uma receitinha para tudo dar certo na vida? Sejam palavras, pensamentos, simpatias, cabala, macumba, oração, manias , enfim um caminhão de ótimas intenções, que podem dar certo ou não.

Algumas igrejas exibem testemunhos dos seus fiéis atestando o alcance de milagres quando deixaram praticamente até as cuecas como oferta, já vi gente dar carro, casa, grana, mas muita grana em nome de? Mais grana, sucesso, paz, saúde e felicidade, se dá certo ou não depende muito de quem acredita, oras, se você acredita em algo fielmente isso pode dar certo, ou não.

Observo os coaches, palavras de motivação e coisa e tal, música e aquele show para despertar o gigante que dorme em você, gigante de sono fácil e conveniente, quando motivado vai contudo e depois dá uma relaxada, uma desanimada e dorme até encontrar alguém que o desperte com mais uma ideia mirabolante, de motivação e garantia de alcance de sucesso.

Mas eu gostaria que esse povo todo que arrebanha milhares de pessoas em seus eventos prometendo sucesso, também mostrasse o lado “b” dessas histórias onde estão os que apostaram as mesmas moedas, mas porém colheram o fracasso, eu já sei que a desculpa de não ter dado verto, certamente virá escrito assim, “faltou fé para fulano alcançara benção”.

Gostaria que a Igreja mostrasse aqueles artistas que “se converteram” como a Perla (funkeira) ou a Stephanie do crossfox, que fizeram o maior alarde, que era Crente, convertido, e … voltaram a fazer as mesmas coisas que faziam antes, tipo cachorro que come o próprio vômito.

Gostaria que os curandeiros mostrassem as pessoas que morreram seguindo as garantidas receitas de cura alternativa, que por exemplo levaram a óbito o jornalista Marcelo Resende e tantos outros que abandonaram a medicina para se aventurar nessas trilhas sombrias .

O fato é minha gente que não existe uma “receita” para as coisas darem certo na nossa vida, existem as oportunidades, que desperdiçamos, existe a persistência que deixamos de lado por causa da preguiça, e existe a lógica, onde se uma coisa não da certo, mude de atitude oras, você não precisa de guru, coaching ou outra bobagem para se dar bem na vida, se dar bem na vida não é sinônimo de ter riquezas e sim, felicidade que aliás mora nas coisas mais simples do dia a dia e a gente complica tudo.

Pare de perder tempo com receitas indigestas de felicidade, ser feliz é aproveitar cada segundo de vida, antes que o tempo a tome de você, faça as coisas que tem vontade, desde que não prejudique a vida do próximo, viva sua fé pessoal, acredite que com o tempo as coisas se encaixam e é assim, é a lei do universo, tudo tem seu tempo, se algo não aconteceu na sua vida do jeito que você queria, deve ser por quê aquilo não era bom para você.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.