A igreja evangélica onde um pastor foi baleado durante o culto neste domingo (11), em Mogi das Cruzes, transmitiu ao vivo por uma rede social o momento em que o homem fez os disparos (assista acima). O pastor foi encaminhado para um hospital, onde passou por cirurgia.

O homem de 30 anos foi detido por fiéis até a chegada da polícia. Ele precisou de atendimento médico e foi levado para o Hospital Luzia de Pinho Melo e, depois, para o 1º Distrito Policial da cidade, onde ficou preso.

As imagens mostram que o atirador está com um capacete em uma mão e com a arma na outra. O homem se coloca na frente do altar, no momento em que uma pregação é feita. Ele atira na direção de um dos pastores. As pessoas que estavam no altar se abaixam e fogem. O público entra em pânico.

O homem faz vários disparos em direção a um dos pastores. Depois, ele é dominado.

A Polícia Militar foi acionada e informou inicialmente que o pastor não corre risco de morte. O G1 apura o estado de saúde dele na unidade de saúde.

A igreja fica na Avenida Lothar Waldemar Hoenne, conhecida como Perimetral.

Segundo a polícia, o homem disse, em um primeiro momento, que entrou no culto para roubar. A arma foi apreendida.

A polícia informou que o suspeito tem passagem por tráfico de drogas e não acredita na versão do suspeito. “A situação foge da característica de um roubo que o indivíduo anuncia o assalto e vai atrás de uma vítima. No crime, o autor chegou atirando na vítima e a todo momento procurava por ela para efetuar o disparo. Agora a Polícia Civil vai colher todas as informações, vai ouvir testemunhas e puxar a vida pregressa de ambos”, explica o capitão da PM Alex Amaral.

O suspeito aguarda a audiência de custódia que vai decidir se ele responde em liberdade ou não.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Senado aprova ampliação de divulgação sobre jovens desaparecidos

Projeto volta para análise da Câmara.

Regra que obriga telemarketing a se identificar ainda tem baixa adesão

Medida entrou em vigor há um mês.

Governo lança material para prevenção da peste suína africana

Brasil está livre da doença que não tem cura ou tratamento.

‘Foi coisa do Satanás’, diz pastora depois de ser flagrada em motel

Marido flagrou esposa em motel com pastor de Campo Grande.