Seis jovens morreram depois que o carro em que eles estavam bateu de frente com um caminhão carregado com toras de madeira, na BR-153, em Rebouças, região central do Paraná. O acidente aconteceu na noite de sexta-feira (9), de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A caminho do Instituto Médico-Legal (IML), o carro que levava os corpos das vítimas capotou.

As vítimas, três mulheres e três homens, tinham entre 20 e 30 anos. Cinco delas morreram no local e a sexta chegou a ser levada para o Hospital Santa Casa de Irati – a 20 km de distância – mas não resistiu, segundo a polícia.

O motorista, de 24 anos, e uma passageira do caminhão, de 21, tiveram apenas ferimentos leves, mas foram encaminhados para o hospital em estado de choque. Conforme a PRF, o caminhoneiro passou pelo teste do bafômetro e ele não estava bêbado.

De acordo com os policiais, o carro seguia de Rebouças para Rio Azul, também na região central, quando saiu da pista e atingiu o caminhão, que vinha em sentido contrário.

Os corpos foram levados para o IML de Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná, onde serão identificados.

Carro do IML capota com vítimas

O carro do IML, que levava os corpos das vítimas para Ponta Grossa, também se acidentou durante a madrugada deste sábado (10), segundo a PRF.

O motorista, de 36 anos, perdeu o controle do veículo, saiu da pista e capotou. De acordo com a polícia ele não se feriu.

Outra equipe do IML foi acionada para comparecer ao local, resgatar os corpos e seguir viagem até Ponta Grossa.

O carro do IML que levava os corpos das vítimas também se acidentou durante a madrugada deste sábado (10) — Foto: PRF/ Divulgação

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Regra que obriga telemarketing a se identificar ainda tem baixa adesão

Medida entrou em vigor há um mês.

Governo lança material para prevenção da peste suína africana

Brasil está livre da doença que não tem cura ou tratamento.