Fique conectado

Brasil

Tempestade tropical Iba se aproxima da costa de Espírito Santo e Bahia

Marinha e Instituto Nacional de Meteorologia emitiram alerta. Segundo comunicado, ventos chegaram a 65 km/h neste domingo (24).

Publicado em

257

Imagem mostra tempestade tropical próxima à costa brasileira — Foto: Rodrigo Cunha/Arte G1/Climatempo

Uma tempestade tropical se aproxima da costa do Espírtio Santo e da Bahia. A tempestade tropical é uma categoria antes do ciclone tropical, comumente chamado de furacão.

O alerta foi feito pelo Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC/INPE), em colaboração com o Centro de Hidrografia da Marinha (CHM – Marinha do Brasil) e com o Instituto Nacional de Meteorologia.

“Seu deslocamento é previsto para a direção Sudoeste e seus efeitos poderão ser sentidos no litoral sul do estado da Bahia e do Espírito Santo até o dia 26”, diz o comunicado. Às 9h deste domingo, os ventos chegaram a 65 km/h e o centro da tempestade estava em alto-mar próximo ao Espírito Santo.

No sábado (23), este sistema ainda era uma depressão tropical. A tempestade foi chamada de Iba, que significa “ruim” em tupi-guarani.

Alto-mar

Os efeitos da tempestade tropical devem ser sentidos principalmente em alto-mar associados à chuva intensa, informaram os institutos. São esperados ventos fortes nas proximidades do litoral sul do estado da Bahia e do Espírito Santo que podem chegar a 87 km/h em alto-mar, no setor Leste do ciclone, e 61 km/h junto à costa, durante todo o período de atuação do ciclone.

A previsão é de ondas com alturas entre 3 e 5 metros em alto-mar e possibilidade de ocorrência de ressaca na costa entre Vitória (ES) e Caravelas (BA), com ondas de até 2,5 metros, até a noite do dia 25.

Salvador, capital baiana, amanheceu com chuva neste domingo e o operação das escunas de turismo que fazem o passeio pelas ilhas da Baía de Todos-os-Santos estava suspensa.

Brasil

Passageira é ejetada e cai embaixo de caminhão, em acidente na BR-376

Segundo a PRF, vítima foi encaminhada ao hospital em estado gravíssimo, neste domingo (21); motorista do caminhão teve ferimentos leves.

Publicado em

Do G1
Passageira é ejetada e cai embaixo de caminhão, em acidente na BR-376 — Foto: Divulgação/PRF

Uma mulher de 59 anos foi ejetada e caiu embaixo de um caminhão, em um acidente na BR-376, em Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná, neste domingo (21), segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A vítima era passageira do veículo e estava sem cinto de segurança, de acordo com a PRF. Ela foi encaminhada com ferimentos gravíssimos para o Hospital Regional de Ponta Grossa.

Conforme a polícia, o motorista do caminhão, de 66 anos, sofreu ferimentos leves.

De acordo com a PRF, a carga do caminhão deslizou em uma curva, puxou o veículo pra fora da pista, fazendo com que ele batesse contra um barranco. A passageira ficou presa no rodado traseiro do veículo, após ser ejetada.

Ela foi resgatada por equipes da concessionária que administra o trecho da rodovia.

Continue lendo

Brasil

Seis pessoas morrem em acidente na PR-323, no Paraná

Dois carros se envolveram na batida na madrugada desta sexta-feira (19). Segundo a PRE, todas as vítimas eram jovens.

Publicado em

Do G1
Acidente deixou seis mortos — Foto: PRE/Divulgação

Um acidente deixou seis pessoas mortas na PR-323 entre Umuarama e Perobal, no noroeste do Paraná, na madrugada desta sexta-feira (19), de acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE).

Dois carros se envolveram na batida. Segundo a PRE, todas as vítimas eram jovens. Porém, as idades ainda não foram informadas.

Quatro homens estavam no veículo, com placas de Perobal. No outro automóvel, com placas de Umurama, havia um casal.

A colisão aconteceu por volta das 3h30. Os bombeiros foram até o local para prestar socorro, mas, quando chegaram, as vítimas já tinham morrido.

A perícia técnica da Polícia Civil também foi até o trecho da rodovia para apurar as causas do acidente. Há uma curva aberta ali onde, conforme a PRE, já foram registrados outros acidentes. Porém, o local não é considerado um ponto crítico.

Alta velocidade

De acordo com a PRE, o carro em que o casal estava pode ter invadido a pista contrária, batendo de frente com o outro veículo, que acabou sendo levado em direção ao acostamento.

O motorista do automóvel ocupado pelos rapazes não era habilitado para dirigir, ainda segundo a PRE.

A PRE também afirmou que os dois carros estavam em alta velocidade. Conforme a PRF, o veículo do casal estava a 160 km/h, e o outro a 120 km/h. A velocidade máxima no trecho é de 100 km/h.

Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico-Legal (IML) de Umuarama.

Acidente aconteceu na madrugada desta sexta-feira (19) — Foto: PRE/Divulgação

Continue lendo

Brasil

Papagaio roubado volta sozinho a Zoológico de Cascavel

Homens armados renderam guarda e levaram duas aves na madrugada de terça-feira (16). Dois dias depois, um dos papagaios retornou ao local.

Publicado em

Do G1
Homens armados roubaram dois papagaios do Zoológico de Cascavel na terça-feira (16). — Foto: Reprodução/RPC

Um dos papagaios roubados do Zoológico de Cascavel, no oeste do Paraná, voltou sozinho ao local dois dias após homens armados terem rendido um guarda do parque e levado dois animais.

O roubo aconteceu na madrugada de terça-feira (16) e um dos papagaios reapareceu no zoológico nesta quinta-feira (18), de acordo com o médico veterinário Ilair Detoni.

A ave, que se recupera de uma picada de cobra, voltou ao zoológico voando.

O outro papagaio roubado, que tinha chegado ao zoológico no dia 12 de abril, não foi localizado. Nenhum dos homens foi preso.

Roubo

Na terça-feira (16), homens renderam um guarda patrimonial do zoológico para roubar o local.

O guarda diz ter sido obrigado a ficar deitado no chão enquanto um dos suspeitos conseguiu arrebentar as grades de uma janela que dá acesso ao almoxarifado, onde estavam os papagaios.

Além dos papagaios, os ladrões levaram um botijão de gás. O guarda não ficou ferido.

De acordo a direção do zoológico, essa não foi a primeira vez que o ladrões tentaram arrombar o local. Neste ano, houve outras três tentativas. Mas foi a primeira que os ladrões estavam armados.

A prefeitura informou que as rondas da Guarda Municipal serão intensificadas na região do zoológico. Além disso, existe um estudo para implantação de câmeras de monitoramento no local, mas ainda não há previsão para a instalação.

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Solutudo 300
Publicidade

FaceNews

Mais lidas