Fique conectado

Brasil

DF: professor é afastado após pedir redação sobre “boquete e 69”

Secretaria de Educação informou que educador é temporário e foi devolvido preventivamente pela Coordenação Regional de Ensino da região.

Publicado em

1.286

GOOGLE STREET VIEW
GOOGLE STREET VIEW

Um professor do 6º ano do Centro de Ensino Fundamental (CEF) 104, da Asa Norte, foi desligado da unidade educacional após ensinar sobre sexo anal e oral durante aula de português, na última quarta-feira (13). Na ocasião, ele também pediu aos seus alunos que escrevessem uma redação improvisada sobre o tema.

Segundo denúncia recebida pelo Metrópoles, as crianças fotografaram o conteúdo escrito pelo docente na lousa e gravaram áudios durante a aula.

Nas imagens, é possível ver a data da ocorrência e o tema proposto pelo educador no quadro branco.

“Brasília, 13 de novembro de 2019. Objetivo: fazer o próprio currículo. Redação improvisada. Escrever sobre polidez e transformações afetivo-sexuais na adolescência (pós-infância). Sexo oral e penetração”, escreveu.

Ao lado das exemplificações, ele puxa setas e escreve as temáticas a serem abordadas sobre cada assunto formalmente e informalmente. Entre elas, usa palavras como: “boquete”, “69”, “fio terra”, “punheta”, “dar o cu” e outras.

Veja os registros obtidos pela reportagem:

DF: professor é afastado após pedir redação sobre “boquete e 69”

DF: professor é afastado após pedir redação sobre “boquete e 69”

DF: professor é afastado após pedir redação sobre “boquete e 69”

DF: professor é afastado após pedir redação sobre “boquete e 69”

O outro lado
Após receber a denúncia, a reportagem esteve no colégio na manhã desta segunda-feira (18/11/2019). O diretor responsável pela unidade estava em reunião interna com outros professores e informou não ter sido autorizado a dar entrevistas sobre a polêmica.

Uma mãe que não quis se identificar relatou ter tomado conhecimento da ocorrência pelo seu filho de apenas 10 anos. “Ele comentou sobre o professor, que escreveu no quadro algumas palavras, e me disse que nem sabia o que significava. Vou procurar a direção e pedir um posicionamento sobre o que eles estavam aprendendo. Queremos saber qual era o assunto debatido em sala. Uma outra mãe comentou que vai ocorrer uma reunião de pais para falar sobre o assunto. Estou aguardando”, disse a mulher.

Outros pais abordados em frente à escola não quiseram se pronunciar e alguns relataram desconhecer o fato.

Em nota, a Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEE-DF) explicou que a direção da unidade, assim que soube do ocorrido, prontamente procurou pela pasta e pela regional de ensino a fim de oferecer a denúncia e, desde então, o caso está em averiguação.

“A Secretaria de Educação informa que o professor, que é temporário, foi devolvido preventivamente pela Coordenação Regional de Plano Piloto e Cruzeiro, enquanto está investigando a situação no CEF 104 Norte. Se comprovados os fatos, terá seu contrato cancelado”, diz trecho do texto.

Brasil

Cidade do interior de SP tem bilhetes com acusação de adultério espalhados nas ruas

Moradores foram surpreendidos com centenas de panfletos denunciando uma suposta traição.

Publicado em

Do Metrópoles
REPRODUÇÃO/TWITTER
REPRODUÇÃO/TWITTER

No interior de São Paulo, os moradores do município de Registro foram surpreendidos com centenas de bilhetes anônimos deixados na porta de uma loja no centro e em vários outros bairros na manhã desta segunda-feira (09/12/2019). Nos panfletos, o autor desconhecido denuncia um caso de traição envolvendo a proprietária do estabelecimento e um professor de artes marciais.

Conforme apurado pelo G1, os bilhetes apareceram, em um primeiro momento, em frente a uma loja localizada na av. Professor Jonas Banks Leite, no centro de Registro. Não demorou para que os bilhetes fossem jogados em outras partes da cidade. Imagens dos panfletos acabaram sendo compartilhadas em redes sociais por dezenas de moradores.

No texto dos bilhetes, o autor denuncia a traição da comerciante, que é aluna de Muay Thai de uma academia em Registro. Confira o recado na íntegra:

“A proprietária **** ******** (atual mulher do ******* ******) está traindo seu marido com seu “namorado” e seu treinador de Muay Thai, o Sr. ******. A próxima edição vem com fotos.”

Voluntários
Em contato com a Polícia Civil de Registro, nenhum caso de difamação foi notificado às autoridades até o início da tarde desta segunda. A Polícia Militar também não foi acionada para atender à ocorrência. Durante o dia, voluntários se reuniram para recolher os papéis abandonados.

Em nota, a academia onde o treinador trabalha informou que repudia veementemente tal atitude e que prestará total apoio ao colaborador e ao casal de amigos e clientes envolvidos no caso. “É uma inverdade imoral e criminosa. Temos certeza de que em breve tudo será esclarecido pelas autoridades competentes”, diz a nota.

Continue lendo

Brasil

Trigêmeos se afogam, homem tenta ajudar e todos morrem em MS

Caso aconteceu no Rio Paraná. Adolescente de 14 anos que estava no local com o grupo conseguiu escapar da correnteza.

Publicado em

Do Metrópoles
REPRODUÇÃO
REPRODUÇÃO

Uma tragédia abalou a cidade de Novo Mundo, em Mato Grosso do Sul, no último sábado (30/11/2019). Enquanto passeavam por uma das prainhas do Rio Paraná, quatro pessoas morreram afogadas – trigêmeos, de 13 anos, e um homem que estava com eles, de 47, amigo da família dos jovens. A informação é do portal G1.

Até agora, apenas os corpos de dois (Giovane e Bruna) dos trigêmeos que morreram afogados foram sepultados. A terceira adolescente (Bianca) ainda não foi encontrada pelos bombeiros.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, os trigêmeos, o homem de 47 anos, e o filho dele, um garoto de 14 anos, estavam no rio quando uma das jovens se afastou do grupo. A menina afundou e, na tentativa de resgatá-la, os outros dois irmãos foram puxados pela correnteza e acabaram se afogando.

O pai, identificado como Marcos Roberto dos Santos, e o filho que estavam próximos tentaram ajudar os trigêmeos, mas também foram puxados pelo rio e afundaram. O garoto de 14 anos foi resgatado por pessoas que passeavam em uma embarcação, mas o homem morreu afogado.

O corpo de Marcos Roberto de Campos, de 47 anos, morador de Guaíra, foi sepultado no cemitério municipal de Guaíra, às 9h desta segunda-feira.

Os trigêmeos, duas meninas e um menino, moravam em Alto Piquiri, no Paraná. Os dois corpos localizados pelos bombeiros foram velados. Em homenagem às vítimas, o colégio estadual Manoel Bandeira, onde os irmãos estudavam, suspendeu as aulas e o prefeito decretou luto oficial de três dias

Continue lendo

Brasil

Carro com mais de 3 mil multas e R$ 54 milhões em dívidas é apreendido em São Paulo

Veículo modelo Fiat Uno não era licenciado desde 2016.

Publicado em

Do G1
Fiat Uno tem mais de 3 mil multas sem serem pagas — Foto: Divulgação/PM
Fiat Uno tem mais de 3 mil multas sem serem pagas — Foto: Divulgação/PM

Um carro com mais de 3 mil multas e R$ 54 milhões de débitos foi apreendido nesta sexta-feira (29) pela equipe do Comando de Policiamento de Trânsito, da Divisão de Apoio à Diretoria de Educação ao Trânsito e Fiscalização do Detran de São Paulo.

Os agentes suspeitaram da atitude do motorista e fizeram a abordagem do veículo modelo Fiat Uno ano 2008. Após consulta ao Centro de Operações da Polícia Militar (Copom) foi constatado que o último licenciamento havia sido em 2016, e que o carro tem 3.177 infrações de trânsito e R$ 54.742.688,49 de débitos.

O veículo foi autuado e removido ao Pátio Presidente Wilson do Detran-SP.

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas