Empregada é condenada após usar joia furtada em casamento

O furto foi descoberto depois que a mulher postou foto com a corrente nas redes sociais. Caso aconteceu em Santos, São Paulo.

Uma empregada doméstica, identificada como Adriana Barreto dos Santos, de 39 anos, foi condenada por furtar joias, roupas, perfumes importados e dinheiro da residência de um empresário para o qual prestava serviço, em Santos, no litoral de São Paulo. A informação é do G1.

A mulher chegou a usar uma corrente com pingente de ouro levada do imóvel no dia de seu casamento – e publicou a foto nas redes sociais. As publicações serviram de prova.

Além da corrente usada no casamento, a esposa do empresário reconheceu outros acessórios e peças de roupa em outras fotos na rede social da empregada.

Em depoimento, a esposa do empresário conta que passou a perceber a falta dos objetos após ver Adriana usando um de seus brincos durante a jornada de trabalho na residência.

Através das câmeras de monitoramento, imagens mostram a empregada levando diversos pertences dos quartos e do escritório da residência. De acordo com o casal, a limpeza dos quartos da casa não eram de responsabilidade da condenada.

O casal procurou a empregada nas redes sociais e, em seu perfil no Facebook, encontrou diversas fotos usando acessórios, roupas e objetos que pertenciam à família. Eles se deram conta, então, que os furtos aconteceram entre o final de 2017 e agosto de 2018.

#MAIS LIDAS DA SEMANA