© Divulgação Polícia Civil

A polícia rastreia um perfil falso criado por Lázaro Barbosa, suspeito de assassinar uma família numa área rural de Ceilândia Norte (DF) e de balear pessoas e manter reféns no município de Cocalzinho de Goiás (GO).

Por meio de uma conta criada com base em um celular roubado no distrito de Edilândia, Lázaro, foragido há 19 dias, acompanhava notícias sobre a própria caçada.

A conta criada na rede Instagram não tinha publicações. O perfil atribuído a Lázaro segue vários veículos de comunicação e, nas últimas 24 horas, alcançou 2,8 mil seguidores, contra menos de 40 registrados até ontem (26).

Leia a matéria completa no site parceiro R15 Notícias.

 

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Regra que obriga telemarketing a se identificar ainda tem baixa adesão

Medida entrou em vigor há um mês.

Governo lança material para prevenção da peste suína africana

Brasil está livre da doença que não tem cura ou tratamento.

‘Foi coisa do Satanás’, diz pastora depois de ser flagrada em motel

Marido flagrou esposa em motel com pastor de Campo Grande.