Após ser flagrada pelo marido em um motel, uma pastora de Campo Grande (MS) disse que o episódio “foi coisa do Satanás”. O vídeo gravado pelo marido viralizou nas redes sociais.

Na gravação, o homem traído entra no quarto aos berros. A mulher está acompanhada de outro pastor. Os dois costumam pregar, na região do Guanandi e Aero Rancho, cultos especiais em prol da família tradicional, pela Igreja Apostólica Jesus Cristo Voltará.

Pelas imagens é possível ver que o marido entra no quarto e se refere ao amante como “pastor do Diabo”. Em seguida, mostra a esposa e grita: “Você acabou com a minha vida”. Fora de si, o homem ainda chuta e bate a porta na esposa.

Entre gritos, ofensas e agressões verbais, o homem ameaça e diz que vai expor os dois. “Isso aqui vai rodar Campo Grande inteiro, todo mundo vai saber.”

O marido também questiona. “Você destruiu minha família. Por que você fez isso?”, pergunta.

Em entrevista ao Lado B do Campo Grande News, a mulher questiona “Quem nunca errou?”

Com a voz triste, a pastora disse que não está bem. “Já aconteceu, não tenho como voltar atrás. Quem nunca errou que atire a primeira pedra. Enquanto a gente julga, estamos sendo julgados.”

Questionada sobre o impacto da exposição após divulgação dos vídeos, a mulher preferiu não falar do homem que estava no motel e defendeu o marido, com quem é casada há 21 anos. “Meu marido já me perdoou, a mulher dele (pastor amante) já perdoou ele.”

Ela ainda acrescentou que o episódio não foi uma traição. “Foram erros, só que a culpa não é da gente. A gente foi vítima de Satanás para escandalizar e jogar o nosso nome na lama. Todo mundo foi usado pelo Diabo. Meu marido chegou falando pastor do Diabo, então todo mundo foi usado pelo Diabo” justifica.

Diante da chuva de comentários e compartilhamentos, a pastora ainda mandou recado para quem a colocou no “tribunal da internet”. “Quem vai ficar apontando e criticando está se autoconcedendo, porque já nos acertamos. Aí, é cada um com Deus”, finalizou.

*Vídeo Reprodução / Campo Grande News

Deixe um comentário

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora gratuitamente sua conta e faça parte.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Regra que obriga telemarketing a se identificar ainda tem baixa adesão

Medida entrou em vigor há um mês.

Senado aprova ampliação de divulgação sobre jovens desaparecidos

Projeto volta para análise da Câmara.

Governo lança material para prevenção da peste suína africana

Brasil está livre da doença que não tem cura ou tratamento.