Campanha de Doação de Sangue “Doar sangue é doar vida!”
Campanha de Doação de Sangue “Doar sangue é doar vida!”

A Fundação Educacional do Município de Assis – FEMA e o Instituto Municipal de Ensino Superior de Assis – IMESA aderiram à campanha de doação de sangue do Hemonúcleo do Hospital Regional de Assis, que ocorre entre os dias 19 e 24 de novembro e que faz referência ao Dia do Doador de Sangue, que é comemorado no dia 25/11.

Em apoio a Campanha a direção da FEMA/Imesa tem se mobilizado em sensibilizar alunos, professores e funcionários a aderirem à causa.

São tantas pessoas que precisam de sangue, que não raro algumas delas são nossas conhecidas, amigas ou parentes. Mas o banco de sangue também existe para ajudar aquelas pessoas anônimas, que não têm ninguém à sua volta que possa ajudar, ou simplesmente quando não há tempo de convocar familiares para doar sangue. A doação colabora na manutenção do estoque de sangue do Hemonúcleo garantindo assim a realização de todas as cirurgias de urgência, emergência e seletivas. Os doadores podem não saber o destino de seu sangue na hora da doação, na maioria das vezes, mas de uma coisa têm certeza: o que fazem é indispensável à vida.

A doação de sangue traz poucos riscos para o doador e pode ajudar a salvar muitas vidas, participe! Para se tornar um doador basta procurar o Hemonúcleo do Hospital Regional de Assis que está localizado na Pça. Dr. Symphrônio A. dos Santos, s/n – Centro – Assis. O atendimento ao público ocorre de segunda à sexta 07h00 às 12h00. Mais informações pelo fone: (18) 3302-6025

Saiba mais: Na triagem de doadores, a Fundação Pró-Sangue obedece a normas nacionais e internacionais, como as do Ministério da Saúde, Associação Americana e Conselho Europeu de Bancos de Sangue. O alto rigor no cumprimento dessas normas visa oferecer segurança e proteção ao receptor e ao doador.

Abaixo estão listados os requisitos básicos e alguns dos principais impedimentos temporários e definitivos para doação de sangue. No entanto, esta lista não esgota os motivos de impedimentos para doação, de forma que outras informações prestadas por você durante a triagem clínica serão consideradas para definir se está apto para doar sangue nesse momento.

Requisitos básicos

• Estar em boas condições de saúde.

• Ter entre 16 e 67 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos, clique para ver documentos necessários eformulário de autorização).

• Pesar no mínimo 50kg.

• Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas).

• Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação).

•Apresentar documento original com foto emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social).

Impedimentos temporários

•Resfriado: aguardar 7 dias após desaparecimento dos sintomas.

•Gravidez

• 90 dias após parto normal e 180 dias após cesariana.

• Amamentação (se o parto ocorreu há menos de 12 meses).

•Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação.

•Tatuagem nos últimos 12 meses.

•Situações nas quais há maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis: aguardar 12 meses.

•Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia, Roraima, Maranhão, Mato Grosso, Pará e Tocantins são estados onde há alta prevalência de malária. Quem esteve nesses estados deve aguardar 12 meses.

Impedimentos definitivos

•Hepatite após os 11 anos de idade. *

• Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas.

• Uso de drogas ilícitas injetáveis.

• Malária.

• Hepatite após o 11º aniversário: Recusa Definitiva; Hepatite B ou C após ou antes dos 10 anos: Recusa definitiva; Hepatite por Medicamento: apto após a cura e avaliado clinicamente; Hepatite viral (A): após os 11 anos de idade, se trouxer o exame do diagnóstico da doença, será avaliado pelo médico da triagem.

Respeitar os intervalos para doação

• Homens 60 dias: até 4 doações por ano.

• Mulheres 90 dias: até 3 doações por ano.

Fonte: http://www.prosangue.sp.gov.br

Deixe um comentário

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora gratuitamente sua conta e faça parte.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Aprovado piso de dois salários mínimos para agentes comunitários de saúde

Agentes comunitários de todo o país acompanharam as votações no Congresso.

Covid-19: Casos vão a 30.152.402 e mortes a 661.258

Desde o início da pandemia 96,3% dos infectados se recuperaram.

Entidades médicas esperam decisão da Anvisa sobre cigarro eletrônico

Estudos comprovam que dispositivos causam danos à saúde.

Prefeitura lança Programa de Castração de Cachorros e Gatos

Clínicas veterinárias deverão acompanhamento de Edital.