Recesso em Unidades Básicas de Saúde prejudica pacientes em Assis

Locais estão fechados desde o dia 20 de dezembro e só reabrem dia 6. Secretaria de Saúde alega que plantões no PS foram suficientes.

Postos fecharam não prejudicaram atendimento, avisou prefeitura (Foto: Reprodução/TV TEM)

Em Assis, as Unidades Básicas de Saúde (UBS) estão fechadas desde o dia 20 de dezembro e só reabrirão na próxima segunda-feira (6). Pacientes que precisam de consultas ou remédios se sentem prejudicados e reclamam do longo período de recesso decretado pela prefeitura.

Além das UBS fechadas, as unidades dispensadoras de medicamentos também entraram em recesso. Apenas a que fica no centro funcionou em sistema de plantão nos dias 23, 27 e 30 de dezembro e, nesta sexta-feira (3).

Por telefone, a Secretária da Saúde de Assis explicou que as UBS foram fechadas porque não havia consultas agendadas nesse período e que os atendimentos de urgência e emergência continuaram normalmente no Pronto-Socorro e na unidade de pronto atendimento.

Sobre a entrega de medicamentos, ela acredita que os plantões foram suficientes para suprir as necessidades dos pacientes. A justificativa pelo longo período de recesso foi que o feriado de Natal e Ano Novo caíram no meio da semana.

#MAIS LIDAS DA SEMANA