AME de Assis passa a se chamar “Dr. Elyseu Salotti”

Alckmin publicou a lei 15.378/14, com base em projeto do deputado Bragato. Elyseu Salotti chegou a Assis em 1942, recém-formado pela Faculdade USP.

AME de Assis passa a se chamar “Dr. Elyseu Salotti” (Foto: Mauricio Rummens)

O governador Geraldo Alckmin publicou a lei 15.378/14, com base em projeto do deputado Mauro Bragato, que dá a denominação de Dr. Elyseu Salotti ao AME (Ambulatório Médico de Especialidades) de Assis. Na justificativa do projeto, Bragato ressaltou a homenagem a “um grande médico, que lutou e trabalhou pela cidade”.

Elyseu Salotti chegou a Assis em 1942, recém-formado pela Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo). O professor Onosor Fonseca, vereador na época, soube resumir a vida de Elyseu na Moção de Pesar pelo seu passamento, em 5 de junho de 1987

Disse: “Por quarenta e cinco anos, de 1942 a 1987, o Dr. Elyseu Salotti exerceu, em Assis, com dignidade e competência, sua nobre profissão. Notabilizou-se pela precisão de seus diagnósticos e pela segurança de suas notáveis intervenções. Desambicioso, cuidava com igual desvelo tanto do rico como do pobre, sem preocupar-se com honorários. Dr. Elyseu Salotti foi um verdadeiro sacerdote da Medicina”.

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA