Fique conectado

Saúde

Usuária de UBS da Vila Fiúza reclama da falta de porta nos banheiros

Segundo a mulher só há divisórias no banheiro, o que deixa os usuários expostos.

Publicado em

533

Usuária de UBS da Vila Fiúza reclama da falta de porta nos banheiros (Foto: Divulgação)

Uma usuária da Unidade Básica de Saúde (UBS) da Vila Fiúza entrou em contato com a reportagem do AssisNews para reclamar do descaso com a falta de privacidade causada pela ausência de porta nos banheiros do prédio.

De acordo com a mulher, que pediu para não ser identificada, ela foi até a UBS para passar por um consulta médica por volta das 8h30, durante o momento em que aguardava o atendimento ela foi ao banheiro e se deparou com a falta de portas.

Segundo ela, há uma porta principal para entrar no banheiro, após isso, são apenas divisórias o que deixa os usuários expostos. “Isso também acontece no banheiro dos homens, é falta de respeito com todos nós” exclama.

Em um vídeo enviado à reportagem, é possível ver que há uma porta sanfonada desmontada próximo à pia. (Assista o vídeo abaixo).

Prédio novo

A UBS da Vila Fiúza, atendia no prédio antigo na Rua Coronel Fiuza e segundo a secretária Municipal da Saúde, Luciana Gomes, com o objetivo de melhorar a qualidade do atendimento oferecido aos moradores daquela região, a unidade mudou para um novo endereço.

O novo prédio foi inaugurado no dia 20 de julho deste ano.

O outro lado

A reportagem do AssisNews entrou em contato com a assessoria da Secretaria Municipal da Saúde e informou o relato da usuária. A assessora respondeu que mediante o fato já foi emitido uma ordem de serviço e o problema será senado o mais breve possível.

Usuária de UBS da Vila Fiúza reclama da falta de porta nos banheiros (Foto: Divulgação)

Usuária de UBS da Vila Fiúza reclama da falta de porta nos banheiros (Foto: Divulgação)

Saúde

Santa Casa de Assis deixa de atender pacientes de convênio médico do Iamspe

Segundo a Santa Casa, após o vencimento do contrato entre a instituição e o convênio dos servidores públicos estaduais, em março deste ano, houve negociação para aumentar o valor do teto repassado ao hospital.

Publicado em

A Santa Casa de Assis (SP) parou de atender nesta terça-feira (4) os usuários do plano de saúde Iamspe, destinado aos servidores públicos estaduais.

Segundo a Santa Casa, após o vencimento do contrato entre a instituição e o convênio médico, em março deste ano, a unidade de saúde tentou entrar em negociações para o aumento do valor teto repassado à instituição.

Ainda de acordo com o hospital, o valor teto repassado para os serviços e atendimentos pelo plano era de aproximadamente R$ 120 mil. Porém, a quantia tornou-se insuficiente para a manutenção dos atendimentos e foi pedido um aumento equivalente a R$ 300 mil.

Como não houve acordo, a Santa Casa decidiu pela paralisação dos atendimentos aos usuários do plano de saúde Iamspe.

Em nota, o Iamspe informou que a decisão de não renovar o contrato foi uma escolha da Santa Casa de Assis e que os pacientes do convênio devem entrar em contato com o Centro de Atendimento Médico-Ambulatorial (CEAMA), para que o órgão faça o direcionamento a outras instituições.

Continue lendo

Região

Atendimento do ônibus da mamografia é adiado em Ipaussu

Segundo a Secretaria de Saúde, os exames precisaram ser adiados em função de problemas técnicos na unidade de atendimento.

Publicado em

Do G1
Atendimento do ônibus da mamografia é adiado em Ipaussu — Foto: Reprodução/ TV TEM
Atendimento do ônibus da mamografia é adiado em Ipaussu — Foto: Reprodução/ TV TEM

O serviço de atendimento do ônibus da mamografia em Ipaussu (SP) precisou ser adiado por problemas técnicos. Os exames estavam previstos para esta terça-feira (4).

Segundo a Secretaria de Saúde de Ipassu, os exames de mamografia precisaram ser adiados em função de problemas técnicos na unidade de atendimento.

Ainda de acordo com a prefeitura, uma nova data para a realização dos atendimentos às mulheres seria divulgada ainda nesta terça-feira (4).

A cidade de Ipaussu conta com 200 mulheres na fila de espera para a realização dos exames.

Continue lendo

Saúde

Vacina contra gripe é prorrogada e aberta para a população em geral

Vacina previne contra o vírus da Influenza dos tipos dos tipos A (H1N1), A (H3N2) e B.

Publicado em

Do AssisNews

A campanha da vacinação contra a gripe, que teve início em 10 de abril, com final previsto para dia 31 de maio, foi prorrogada e aberta para a população em geral, a partir desta segunda-feira, 3.

Segundo a Vigilância Epidemiológica, a meta de imunização dos grupos prioritários não foi atingida. A meta era vacinar 39.537 pessoas e foram vacinadas 25.687.

Dos grupos prioritários, as puérperes foram as mais vacinadas, 136,84%, seguidas dos idosos, com cobertura de 72,70%.

A vacinação é aberta a todas as pessoas, não sendo necessário estar enquadrado em grupos prioritários e está disponibilizada nas unidades de Saúde até 14 de junho.

A vacina previne contra o vírus da Influenza dos tipos dos tipos A (H1N1), A (H3N2) e B.

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Solutudo 300
Publicidade

FaceNews

Mais lidas