Fique conectado

Saúde

Colaboradores do Ame Assis concluem curso de libras

A iniciativa teve como objetivo capacitar os profissionais e melhorar as condições de acessibilidade e acolhimento.

Publicado em

370

Colaboradores do Ame Assis concluem curso de libras (Foto: Divulgação)

No último sábado (10), aconteceu o encerramento do curso de Língua Brasileira de Sinais (Libras), oferecido pelo Ambulatório Médico de Especialidades (AME) Assis aos colaboradores. No total, 06 profissionais foram capacitados para utilizar a língua.

A capacitação foi uma iniciativa da Comissão de Humanização do Ambulatório com o objetivo de melhorar ainda mais as condições de acessibilidade no acolhimento e atendimento da comunidade, em especial de pessoas com deficiência auditiva.

As aulas foram ministradas por Beatriz Cristina Lopes e ocorreram aos sábados, seguindo um cronograma pré-definido. Além dos profissionais do AME, colaboradores da Santa Casa de Assis também puderam participar do curso.

Essa foi a segunda turma de Libras promovida pelo AME Assis, que sob a gestão da Santa Casa de Assis desde 2013, busca oferecer um atendimento diferenciado e de qualidade, com foco na humanização e bem estar do paciente, respeitando o ser humano e os recursos públicos investidos.

Libras é um conjunto de formas gestuais utilizada por deficientes auditivos para a comunicação entre eles e outras pessoas, sejam elas surdas ou ouvintes. No Brasil, a Língua Brasileira de Sinais foi estabelecida através da Lei nº 10.436/2002, como a língua oficial das pessoas surdas.

Para saber mais sobre o Ambulatório acesse www.ameassis.org.br.

Colaboradores do Ame Assis concluem curso de libras (Foto: Divulgação)

Saúde

Duas crianças aguardam resultado para Dengue e Sarampo em Assis

As crianças são de 8 meses e outra de 2 anos.

Publicado em

Do AssisNews
Duas crianças aguardam resultado para Dengue e Sarampo em Assis (Foto: Departamento de Comunicação)

Duas crianças, uma de 8 meses e outra de 2 anos, que aguardam resultado do Instituto Adolf Lutz para Dengue, também estão sendo tratadas com suspeita de Sarampo em Assis.

A criança de 8 meses não foi imunizada anteriormente por não ter idade compatível com a preconização do Ministério da Saúde para vacina de rotina de Sarampo.

O tratamento das crianças está sendo feito em casa seguindo o curso natural da recuperação, sem complicações, com ações da Secretaria Municipal da Saúde conforme protocolos, tais como bloqueio com vacinação aos que tiveram contato com as crianças.

Segundo o Departamento de Vigilância Epidemiológica da Prefeitura de Assis, a orientação é que crianças a partir do 6 meses sejam imunizadas, assim como adultos com menos de 60 anos, que devem receber a segunda dose da vacina.

As doses estão disponíveis nas unidades básicas de saúde e para se imunizar é necessário apresentar a caderneta de vacinação para atualização.

Continue lendo

Região

Ourinhos têm pelo menos 11 casos de suspeita de sarampo

Uma das criança, tem apenas 5 meses de idade.

Publicado em

Do Ourinhos Notícias

A Secretaria Municipal de Saúde de Ourinhos informa que a cidade até a data de ontem, terça-feira (03), contabiliza 11 casos de suspeita de Sarampo. Sendo que em um dos casos, por se tratar de uma criança de 5 meses, o paciente se encontra em isolamento em observação na Santa Casa de Ourinhos.

Já os demais receberam atendimento médico, as recomendações necessárias e estão em tratamento em suas casas. Em todos os casos foi feito bloqueio pela equipe de Vigilância Epidemiológica vacinando todas as pessoas que tiveram contato ou tem alguma proximidade com os pacientes.

Os 11 pacientes tiveram material coletado e encaminhado ao Instituto Adolfo Lutz, porém, ainda não foram encaminhados os resultados a Secretaria de Saúde.

Vacinação

O esquema vacinal vigente é de duas doses de vacina com componente do sarampo para pessoas de 12 meses até 29 anos de idade, sendo uma dose da vacina tríplice viral aos 12 meses de idade e uma dose da vacina tetra viral aos 15 meses de idade, até 29 anos o indivíduo deverá ter duas doses.

Adultos até 49 anos que não receberam as duas doses da vacina ou não tem certeza de ter sido vacinado adequadamente deve procurar um posto de saúde para receber a imunização.

Como funciona a vacinação contra o Sarampo em Ourinhos.

  • UBS Parque Minas Gerais – as segundas – das 9h às 17h
  • Postão – as terças e quintas – das 9h às 17h
  • UBS Cohab – as quartas e quintas – das 9h às 17h
  • UBS Vila Brasil – as quintas – das 9h às 17h
  • UBS CAIC – as quintas – das 9h às 17h
  • UBS Vila Odilon – as quartas – das 9h às 17h
  • UBS Vila São Luiz – as quintas – das 9h às 17h
  • UBS Itamaraty – as segundas e sextas – das 9h às 17h
  • UBS Vila Margarida – as quartas e sextas – das 9h às 17h
Continue lendo

Saúde

Oncologia oficialmente volta a funcionar no Hospital Regional de Assis

No local serão tratadas patologias em mastologia, colonoscopia, ginecologia e urologia.

Publicado em

Assessoria
Oncologia oficialmente volta a funcionar no Hospital Regional de Assis (Foto: Departamento de Comunicação)
Oncologia oficialmente volta a funcionar no Hospital Regional de Assis (Foto: Departamento de Comunicação)

Na tarde desta quarta-feira (31), o prefeito José Fernandes participou de uma solenidade para anunciar a volta dos atendimentos no setor de oncologia do Hospital Regional de Assis através da Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia – UNACOM.

No local serão tratadas patologias em mastologia, colonoscopia, ginecologia e urologia.

Durante cerimônia para anunciar o retorno dos serviços, o prefeito falou da importância do engajamento de todos os envolvidos e que não mediram esforços para a concretização desse momento tão importante para a cidade e principalmente para os pacientes que necessitam do atendimento na cidade e região.

“A partir de hoje, os munícipes de Assis e cidades vizinhas poderão realizar seus tratamentos aqui em nossa cidade. O setor de oncologia do Hospital Regional está equipado e totalmente preparado para receber cada paciente que venha necessitar de tratamento de acordo com as patologias oferecidas. Graças ao empenho de todos os envolvidos, hoje podemos celebrar mais essa conquista na área da Saúde, uma ação do Poder Público Municipal junto à sociedade civil, membros da Associação Voluntária de Combate ao Câncer de Assis, Ministério Público, prefeitos do CIVAP, Câmara Municipal de Assis e OAB.”, enalteceu o prefeito.

Como forma de oficializar o retorno dos atendimentos em oncologia, os quais estavam interrompidos desde 2017, simbolicamente representantes do Poder Executivo, do Conselho Municipal da Saúde, do Judiciário, do CIVAP, do Hospital Regional e da Associação Voluntária de Combate ao Câncer de Assis tocaram o sino do setor oncológico.

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Solutudo 300
Publicidade

FaceNews

Mais lidas