Paraguaçu antecipa vacinação de idosos com 85 anos ou mais para esta quinta-feira

São 335 doses reservadas para a vacinação do grupo que iniciará já nesta quinta-feira, 11 de fevereiro.

Paraguaçu antecipa vacinação de idosos com 85 anos ou mais para esta quinta-feira

Paraguaçu Paulista recebeu uma nova grade da vacina Coronavac nesta terça-feira (9) e poderá antecipar a campanha de imunização de pessoas da faixa etária de 85 anos completos ou mais. São 335 doses reservadas para a vacinação do grupo que iniciará já nesta quinta-feira, 11 de fevereiro, das 16h às 19h, no Centro de Convergência. No local, será disponibilizado drive thru para que os idosos tomem a primeira dose da vacina sem precisar sair do carro.

Na sexta-feira (12), a campanha de vacinação prossegue e os idosos com 85 anos ou mais poderão se dirigir até as unidades básicas de saúde para receberem a Coronavac. Quem tiver dentro da faixa etária e apresentar dificuldades de locomoção pode telefonar para a unidade mais próxima e agendar a vacinação domiciliar (os telefones estão listados no fim desta matéria).

O Departamento Municipal de Saúde comunica que idosos acima de 90 anos que já agendaram a vacinação domiciliar podem ficar tranquilos que as unidades já estão se organizando para realizá-la tanto nos municípios quanto nos distritos.

 2ª dose dos profissionais da Saúde

Paraguaçu dará início, simultaneamente, na próxima quinta-feira (11) à aplicação da segunda dose da Coronavac nos profissionais da Saúde. Foram reservadas da nova remessa as 440 unidades para atender o público que está na linha de frente no combate a Covid-19 que foi o primeiro grupo contemplado pelo Plano de Imunização.

Os profissionais receberão a vacina no próprio local de trabalho, sem necessidade de deslocamento. Também na quinta-feira (11), na Unidade da Mulher, das 14h às 16h, 50 novas doses serão disponibilizadas para profissionais da saúde que ainda não tomaram.

De acordo com o Plano Nacional de Imunizações, trabalhadores dos serviços de saúde são todos aqueles que atuam em espaços e estabelecimentos de assistência e vigilância à saúde, sejam eles hospitais, clínicas, ambulatórios, laboratórios e outros locais. Compreende tanto os profissionais da saúde ( ex.: médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos, farmacêuticos, odontólogos, fonoaudiólogos, psicólogos, assistentes sociais).

Estão incluídos aqueles profissionais que atuam em cuidados domiciliares (ex.: cuidadores de idosos, doulas/parteiras), bem como funcionários do sistema funerário que tenham contato com cadáveres potencialmente contaminados.

“Nesse momento, estaremos atendendo a esse público. À medida que formos recebendo vacina iremos ampliando a oferta para outros grupos”, explicou Iraciana Messias de Paiva, coordenadora da Vigilância Sanitária.

O Departamento de Saúde orienta levar carteira de registro profissional e Certidão de Regularidade Técnica expedida pelo Conselho (comprova que profissional está ativo) e CPF. Os demais deverão ter declaração emitida pelo empregador, que ficará retida na unidade, além do CPF.

As equipes das unidades de saúde também aconselham a realização do pré-cadastro no site www.vacinaja.sp.gov.br desenvolvido para agilizar a campanha de imunização contra a Covid-19 no Estado. O pré-cadastro não é um agendamento, mas agiliza o atendimento nos locais de vacinação e evita formação de aglomerações. Quem não fizer o pré-cadastro, não precisa se preocupar pois a vacinação também será feita mesmo sem ele, com realização do cadastro completo presencialmente na unidade de vacinação.

TELEFONES DAS UNIDADES BÁSICAS DE SAÚDE:

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA