Sincomerciários visita farmácias para colher sugestões

O encontro para colher sugestões dos trabalhadores prosseguiu com a apresentação patronal de outras medidas igualmente repudiadas pela Fecomerciários.

Sincomerciários visita farmácias para colher sugestões (Foto: Divulgação)
Sincomerciários visita farmácias para colher sugestões (Foto: Divulgação)

Comprometidas em antecipar as negociações salariais deste ano, as comissões de negociação da Campanha Salarial Unificada dos Comerciários 2016/2017 iniciaram as rodadas com os patrões, no dia 20 de junho. De acordo com o presidente da Fecomerciários, Luiz Carlos Motta, o objetivo da antecipação é assinar as Convenções Coletivas de Trabalho (CCTs) dentro das respectivas datas bases. A saber: práticos de farmácia (1º de julho), comércio varejista e atacadista (1º de setembro), concessionárias (1º de outubro).

Sincomerciários visita farmácias para colher sugestões (Foto: Divulgação)
Sincomerciários visita farmácias para colher sugestões (Foto: Divulgação)

No caso dos práticos de farmácia, a Federação tem posicionamento contrário ante a proposta de ser adotado um teto para o reajuste para os salários, considerados elevados pelos empresários. Motta frisa: “Não tem acordo. Representamos todos os trabalhadores sem distinção”.

O encontro prosseguiu com a apresentação patronal de outras medidas igualmente repudiadas pela Fecomerciários. Entre elas, consta a ideia de se implantar o banco de horas. Ao reafirmarem que não aceitam tais medidas, os sindicalistas comerciários explicaram o porquê de não abrirem mão do reajuste salarial pelo índice INPC/IBGE mais 2% de aumento real e vale-refeição. “Há crescimento econômico no setor”, apontou Motta. Os resultados das avaliações das propostas para os práticos e comerciários serão apresentados num novo encontro. A data ainda não foi definida.

O presidente do Sincomerciários de Assis, Vagner Campos, percorreu as farmácias do centro da cidade essa semana para colher sugestões dos trabalhadores. “É muito importante essa participação e na próxima semana estaremos visitando as lojas. Estamos em plena Campanha Salarial e defendemos sempre melhorias e reajuste justo e digno aos comerciários”, destaca.

#MAIS LIDAS DA SEMANA