Fique conectado

Comércio

Registrar alerta sobre roubo ou perda de documento no feriado previne fraudes, orienta Serasa

Comércio também precisa ficar atento para não ter prejuízo que pode aumentar em 25% nos feriados; cuidados simples podem ajudar consumidores e comerciantes a se prevenirem contra os golpistas

Publicado em

202

Amanhã, 12 de outubro, é feriado de Nossa Senhora Aparecida, data em que também é comemorado o Dia das Crianças. Nos feriados é comum aumentar o fluxo de pessoas nos centros comerciais das cidades do país, por isso, é a hora em que o comércio aproveita para ampliar suas vendas. Apesar disso, os especialistas em soluções antifraudes da Serasa Experian alertam para que o comerciante e o consumidor tenham cuidado redobrado para não sofrerem prejuízos com fraudes.

Muitas vezes, o consumidor que tem seu documento extraviado deixa de tomar cuidados fundamentais. Qualquer pessoa que tiver um documento roubado ou perdido no final de semana prolongado pelo feriado de 12 de outubro, além de fazer um Boletim de Ocorrência (B.O), deve registrar gratuitamente um alerta no Serviço de Documentos Roubados da Serasa Experian para bloquear os documentos com o objetivo de prevenir que eles sejam utilizados por golpistas. Segundo levantamentos da empresa, o risco de ser vítima de fraude é dobrado para o consumidor que tem seus documentos extraviados.

O registro do extravio de folhas de cheques e documentos, como identidade, carteira de trabalho, CPF, carteira de habilitação e título de eleitor, pode ser feito de maneira prática e segura pela internet, no endereço www.serasaconsumidor.com.br/gratuito_roubados.html, ou pelo telefone da Central de Atendimento ao Consumidor, no número (11) 3373 7272, que funciona os 7 dias da semana, das 8h às 21h. Se alguém já teve os dados extraviados e ainda não registrou as informações, também deve realizar o cadastro.

 

A partir da inclusão dos dados, as informações ficam disponíveis de imediato em todo o território brasileiro, provisoriamente, por um período de dez dias. Para que permaneça por tempo indeterminado, o consumidor precisa enviar dentro desse prazo o boletim de ocorrência e uma declaração formal à Serasa Experian. Já no caso dos cheques, as informações ficam na base de dados por três dias, tempo para o correntista avisar o banco, fazer o Boletim de Ocorrência e sustar os cheques.

Comerciante

O comerciante também precisa se proteger, pois é nesse ambiente que aumentam as probabilidades de prejuízos com fraudes. Essa estimativa do aumento das probabilidades foi feita com base em um estudo dos casos de fraudes confirmados, dentre os alertas apontados pelas soluções antifraudes da Serasa Experian. Retroagindo às consultas realizadas, constatou-se uma elevação de 25% de comprovação de fraudes decorrentes de alertas a consultas realizadas durante feriados prolongados.

Como identificado no estudo da Serasa Experian, os fraudadores aproveitam os feriados para agir. O golpe mais comum aplicado no comércio é o roubo de identidade, ou seja, quando a pessoa que está fazendo a compra se passa por dono do documento ou por titular das informações apresentadas. Os especialistas da Serasa Experian explicam que as perdas por fraude são irrecuperáveis e se traduzem em prejuízo certo para o empresário.

Pequenos cuidados podem ajudar uma empresa a reduzir consideravelmente os riscos de se tornar vítima de golpistas, como a simples prática de fazer a conferência da foto do documento de identificação com a pessoa que se apresenta no estabelecimento e a verificação da consistência dos dados informados. É importante que as micro e pequenas empresas, principalmente, redobrem essa atenção, pois muitas vezes, por não investirem em recursos básicos e acessíveis de proteção, podem acabar sendo alvos preferenciais, destacam os especialistas em soluções antifraudes da Serasa Experian.

Ferramentas disponíveis no mercado podem reforçar a prevenção contra a fraude, como é o caso do serviço de Alerta de Identidade da Serasa Experian (www.serasaexperian.com.br/alertadeidentidade). No momento da venda, o empresário pode fazer uma consulta ao CPF do consumidor e analisar o histórico daquele documento. A partir disso, o serviço dá uma nota de zero a mil às informações apresentadas e indica se há e qual o grau de risco para o comerciante.

 

A ação de golpistas e pessoas mal-intencionadas é rápida e pode causar muitos transtornos ao comércio e à população. Para ajudar ambos a se prevenirem, os especialistas da Serasa Experian sugerem algumas dicas simples que podem auxiliá-los a evitarem os golpes:

 

Comércio

 

Antes de realizar uma venda a prazo:

1ª – Peça sempre dois documentos originais (como RG, CPF, Carteira de Habilitação);

2ª – Procure confirmar se as informações fornecidas pelo cliente são verdadeiras, analisando atenciosamente se o nome apresentado nos documentos é o mesmo que consta no comprovante de residência;

3ª – Solicite ao cliente o número do telefone residencial e faça a checagem dos dados naquele instante;

4ª – Consulte alguma ferramenta de prevenção a fraudes disponível no mercado.

5ª – Se ainda assim o comerciante não se sentir seguro com a venda, peça que uma parte ou todo o pagamento seja feito à vista.

 

Consumidor

 

Cuidados com os documentos:
1ª – Nunca forneça seus dados pessoais para pessoas estranhas;

2ª – Não forneça ou confirme suas informações pessoais por telefone;
3ª – Não perca de vista seus documentos de identificação quando solicitados para protocolos de ingresso em determinados ambientes ou quaisquer negócios;
4ª – Não informe os números dos seus documentos quando participar de sorteios;
5ª – Mantenha atualizado o antivírus do seu computador diminuindo os riscos de ter seus dados pessoais roubados por arquivos espiões;
6ª – Não faça cadastros em sites que não sejam de confiança; fique atento às dicas de segurança da página, por exemplo, como a presença do cadeado de segurança.

 

Cuidados com os cheques:
1ª – Procure deixar os cheques separados dos documentos pessoais;
2ª – Não ande com o talão de cheques ou folhas já assinadas; procure portar apenas as folhas que for precisar no dia;
3ª – Não deixe as folhas de cheques em cima do balcão da loja ou à vista de outras pessoas;
4ª – Quando for preencher o cheque utilize sempre uma caneta própria;
5ª – Evite deixar espaços em branco;
6ª – Procure sempre emitir cheques nominais e cruzados;
7ª – Anote as informações da compra no canhoto do talão.

 

Para saber mais, acesse o link www.serasaexperian.com.br/guia e consulte o Guia Serasa Experian de Orientação ao Consumidor – Saiba como evitar a inadimplência e garantir o seu futuro.

Publicidade

Comércio

Comércio de Assis abre até às 22 horas a partir desta quinta

E aos sábados as lojas devem funcionar até às 17 horas.

Publicado em

Assessoria
Comércio de Assis abre até às 22 horas a partir desta quinta (Foto: Divulgação/ACIA)
Comércio de Assis abre até às 22 horas a partir desta quinta (Foto: Divulgação/ACIA)

Consumidores de Assis e região devem iniciar o período de compras natalinas a partir desta quinta-feira, 5 de dezembro, quando inicia a abertura das lojas do comércio em horário especial, até às 22 horas. E aos sábados até às 17 horas.

Quem percorre as principais avenidas comerciais sente o clima natalino com a iluminação especial. A tradicional árvore gigante instalada na Praça da Catedral também será acesa nesta quinta, 5. A realização do ‘Natal Iluminado’ é da ACIA – Associação Comercial e Industrial de Assis em parceria com a Prefeitura Municipal.

A chegada do Papai Noel na praça da Catedral está marcada para dia 16, a partir das 19 horas. Haverá gratuitamente ainda a Carreta da Alegria Limão Doce, brinquedos infláveis e distribuição de pipoca e algodão doce para as crianças. Os ingressos para a carreta e para os brinquedos devem ser retirados nas lojas que estarão identificadas com os cartazes do Natal Iluminado da ACIA. A relação das lojas estará fixada na praça e também disponível no site da ACIA (www.aciaassis.com.br)

Continue lendo

Comércio

Black Friday: Comércio de Assis ficará aberto até às 22h, neste dia 29

No sábado (30) o horário do comércio será das 9h às 17 horas.

Publicado em

Assessoria

Quem passa pelas lojas do comércio de Assis já percebeu que as vitrines estão estampadas de promoções e descontos diferenciados devido a Black Friday. Mesmo a data promocional sendo no dia 29 de novembro, os comerciantes anteciparam as liquidações e o movimento está intenso desde o início do mês.

Na próxima sexta-feira (29), o horário especial das lojas será das 9h até às 22 horas e no sábado, dia 30, das 9h às 17 horas, de acordo com o calendário sugestivo da Associação Comercial e Industrial de Assis (ACIA).

Dados apurados pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) mostram que 21% dos empresários brasileiros – do comércio e do ramo de serviços -, devem aderir ao dia de promoções da Black Friday 2019, havendo um crescimento de adesões, uma vez que em 2018, 16% dos empresários participaram do evento.

Para o diretor de Comércio da ACIA, Nilson Mello, os lojistas estão sentindo crescimento nas vendas desde 2010 quando a promoção, muito comum nos Estados Unidos, chegou ao Brasil. Ele acredita que o volume de vendas nas lojas físicas está quase se equiparando ao das lojas virtuais. “Até 2017, a iniciativa era voltada, na maior parte, para o comércio eletrônico. A partir do momento em que os lojistas investiram também nesta data, a realidade vem mudando e o consumidor está atento a esta promoção que antecede o Natal”.

Continue lendo

Comércio

Comércio de Assis fica aberto em horário especial nesta sexta-feira

Alteração no horário é devido às comemorações do Dia dos Pais.

Publicado em

Assessoria
Centro da cidade de Assis (Foto: AssisNews)

Faltando poucos dias para o próximo domingo, Dia dos Pais, as lojas do comércio de Assis se preparam para receber os consumidores em horário especial de atendimento nesta sexta-feira, dia 9 de agosto, até às 22 horas. No sábado, 10, o horário será das 9h às 17 horas, de acordo com calendário sugestivo da ACIA – Associação Comercial e Industrial de Assis.

O Dia dos Pais é a quarta mais importante do calendário festivo e costuma movimentar especialmente os segmentos de confecção, calçados, eletroeletrônicos e perfumaria. Segundo um levantamento realizado pelo Google, 41% das pessoas pretendem comprar os presentes na véspera ou até na própria data e 38% planejam gastar mais com a “lembrança” do papai em 2019.

O diretor do Comércio da ACIA, Nilson Mello, recomenda aos lojistas que ainda dá tempo de caprichar na vitrine, na página na internet ou redes sociais, visando incremento no faturamento no período.

“O mês de agosto se beneficia dessa tradição em se presentear os pais, o que costuma representar um bom reforço no movimento. Mas é preciso aproveitar o apelo da data para atrair o cliente. Sempre é possível conseguir bons resultados com criatividade. É fundamental que o lojista invista em uma bela vitrine e, por exemplo, nos meios que facilitam a forma de pagamento”, afirma.

Dados nacionais

Levantamento realizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) nas 27 capitais brasileiras constatou que 67% dos consumidores pretendem ir às compras em razão do Dia dos Pais. A taxa representa um aumento de seis pontos percentuais em relação a 2018. Na prática, isso significa que aproximadamente 105 milhões de pessoas devem comprar presentes para o segundo domingo de agosto. O valor que os entrevistados pretendem desembolsar com os “mimos” também subiu: em média, pretende-se gastar R$ 189,98, R$ 41 a mais do que em 2018 – gerando no comércio um movimento de cerca de R$ 20 bilhões.

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas