Vendas nos Supermercados crescem 5,6% em janeiro de 2013

Em 2012, o conceito de todas as lojas teve elevação de 6,4%.

O faturamento real dos Supermercados no Estado de São Paulo (deflacionado pelo IPCA/IBGE), no conceito de mesmas lojas (em operação no tempo mínimo de 12 meses), registrou elevação de 5,6% em janeiro de 2013 em relação ao mesmo período do ano passado, o que indica uma tendência de crescimento acima do projetado para 2013.

Em 2012, o conceito de todas as lojas (que inclui aquelas criadas no período pesquisado) teve elevação de 6,4%. Em comparação com dezembro de 2012, o setor apresentou queda de 21,45%.

As vendas nominais em janeiro deste ano no conceito de mesmas lojas tiveram alta de 12,15% em relação a janeiro de 2012. No conceito de todas lojas o crescimento foi de 13,03% em janeiro em relação ao mesmo mês do ano anterior.

Os supermercados vêm registrando boas vendas em anos seguidos, conforme a tendência verificada de maior consumo das classes C e D resultante do aumento da renda.

“Esses resultados do primeiro mês do ano são favoráveis para setor. Vamos acompanhar os próximos meses para verificar se o crescimento do setor supermercadista se sustentará nos próximos meses. A expectativa para 2013 é crescer 5%, superando outra vez o crescimento do PIB brasileiro, estimado em 3%”, comenta o presidente da APAS João Galassi.

Nota Metodológica: O Índice de Vendas dos Supermercados tem como objetivo acompanhar e analisar o desempenho das vendas do setor supermercadista no estado de São Paulo através da evolução do faturamento dos Hipermercados e dos Supermercados. A pesquisa é composta por hipermercados e supermercados do estado de São Paulo, os quais possuem uma representatividade de 85% do setor supermercadista. Os indicadores são divulgados tanto em caráter de mesmas lojas (que consideram apenas lojas abertas há pelo menos um ano) e de todas lojas (que consideram todas as lojas criadas no período pesquisado). As análises dos resultados auxiliam os empresários do setor na tomada de decisão com relação a reabastecimento, investimentos, compras, estoque. E de maneira geral auxilia o mercado na análise de tendências, plano de negócios, potencialidades e inserção no mercado.

Sobre a APAS
A Associação Paulista de Supermercados representa o setor supermercadista no Estado de São Paulo e busca integrar toda a cadeia de abastecimento. A entidade conta com 1.200 associados, que somam 2.700 lojas.

#MAIS LIDAS DA SEMANA