Sistema ajuda polícia e agricultores a combater o crime em Assis

Propriedades rurais foram mapeadas em um cadastro eletrônico.
GSP Caipira tem mais de 800 sítios, chácaras e fazendas cadastrados.

As propriedades de Assis (SP), foram mapeadas em um cadastro eletrônico que facilita a ação da polícia. O sistema ganhou um nome criativo de GPS Caipira. A iniciativa do Conselho de Segurança do Município está melhorando a vida de quem mora no campo.

O policial recebe o chamado para chegar mais rápido ao local o cabo coloca o endereço no GPS, procedimento normal em praticamente todas as cidades do estado. Mas em Assis, o sistema tem cadastrado todas as propriedades rurais do município. Em menos de 15 minutos, a viatura já está no sítio. A iniciativa, pioneira no estado, partiu dos próprios agricultores que fazem parte do Conselho de Segurança da zona rural de Assis.

Já são mais de 800 sítios, chácaras e fazendas cadastradas no sistema. Para facilitar ainda mais a localização, os moradores também colocaram placas com o nome da propriedade, da estrada rural e o número do cadastro.

O sistema de georreferenciamento foi criado para melhorar o acesso das viaturas da Polícia Militar pelas estradas de terra e para facilitar a visualização das propriedades rurais pelo ar. Alguns moradores também colocaram placas com a identificação do sítio nos telhados de casas e barracões. Assim, até o helicóptero águia da PM pode se localizar rapidamente.

A tecnologia também trouxe outras vantagens para quem mora no campo. Enquanto o agricultor Edevaldo trabalha na roça, a agricultora Maria Luiza cuida da casa. Depois da implantação do sistema e das placas, ela pode fazer qualquer pedido por telefone que o entregador consegue chegar ao sítio.

Em Assis, há cerca de 500 quilômetros de estradas rurais.

#MAIS LIDAS DA SEMANA