Curso da FEMA de Assis é reconhecido por mais 4 anos

A renovação atesta a qualidade e excelência para o curso de Química Industrial da FEMA.

O Conselho Estadual de Educação (CEE-SP) aprovou a renovação de reconhecimento do curso de Química Industrial, nas modalidades Bacharelado e Licenciatura, da Fundação Educacional do Município de Assis (FEMA) por mais quatro anos. Para que aconteça o processo de renovação é necessário que a Instituição apresente o Projeto Pedagógico do Curso (PPC) e todas as atividades desenvolvidas nos anos anteriores, para que seja feita uma análise da estrutura do curso, corpo docente e atividades práticas.

Curso da FEMA de Assis é reconhecido por mais 4 anos

Nessa análise são avaliadas a qualidade do ensino, o período de credenciamento e as propostas pedagógicas, levando em consideração o perfil dos alunos que o curso forma. Assim, essa aprovação é um atestado de qualidade para a graduação e, quanto melhor o nível, mais longo é o período de reconhecimento, podendo ser de dois a cinco anos. Nessa escala de dois a cinco, Química foi reconhecido por mais quatro anos.

No relatório, os especialistas elogiam o comprometimento para com o curso por parte da Coordenação, docentes e funcionários; a satisfação dos alunos; a participação no Programa de Iniciação Científica (PIC) com um número considerável de projetos e bolsas e as instalações físicas das salas de aula e principalmente dos laboratórios.

Essa renovação é considerada uma grande conquista acadêmica e, segundo a professora doutora Mary Leiva de Faria, Coordenadora do curso de Química: “Esse reconhecimento é um atestado de qualidade e de excelência no ensino superior. É o empenho e o comprometimento de todo o corpo docente que nos dá esse reconhecimento e a liberação para o curso funcionar mais quatro anos”. Ela ressalta ainda que foram vários fatores que determinaram a renovação, como renovação dos laboratórios, atualização constante dos conteúdos ensinados, participação e realização de eventos, comprometimento dos professores e suporte técnico-administrativo dos setores acadêmicos.

#MAIS LIDAS DA SEMANA