do, ex-aluno e atual professor da Fundação, um dos aprovados no Programa de Mestrado da UTFPR (Foto: Assessoria)
do, ex-aluno e atual professor da Fundação, um dos aprovados no Programa de Mestrado da UTFPR (Foto: Assessoria)

No final do mês de fevereiro a Fundação Educacional do Município de Assis – Fema, em especial a coordenação dos cursos de Informática, comemoraram o ingresso de três de seus ex-alunos da área de informática no Programa de Mestrado da Universidade Tecnológica do Paraná – Campus de Cornélio Procópio, na linha de Engenharia de Software.

Foram aprovados os ex-alunos: Alessandro Silveira Duarte, José Antonio Gonçalves e Fernando Cesar Lima, que hoje é professor da Fema. Segundo o coordenador e professor Dr. Alex Sandro Romeo de Souza Poletto, para a Fema, bem como para a Coordenadoria de Informática, o ingresso dos ex-alunos, entre eles um professor da Fema, é motivo de orgulho para a Fundação. “Entre as dez vagas regulares oferecidas no Programa de Pós-Graduação em Informática da UTFPR Câmpus Cornélio Procópio, três foram conquistadas por ex alunos nossos” disse o professor Dr. Alex.

Fernando, que foi aluno de Tecnologia em Processamento de Dados, turma 2001 da Fema, e atualmente é professor da Fundação nos cursos de Informática, conta que em 2006 fez uma especialização em Desenvolvimento de Aplicações Distribuídas e que no Mestrado em Cornélio  sua pesquisa tratará do Desenvolvimento de uma Nova Técnica para Levantamento de Requisitos.

Fernando além de professor da Fema, é proprietário da empresa Lima Software onde  desenvolve sistemas para diversos tipos de clientes. Foi por meio das experiências de trabalho que Fernando começou a se interessar e pesquisar sobre o tema. Fernando fala que no projeto de Software é fundamental que exista um correto levantamento de requisitos. Para ele a determinação e entendimento destes requisitos são essenciais para um sistema que corresponda à expectativa do cliente e também proporcionem um menor tempo de execução ao Projeto, já que com uma compreensão eficiente dos requisitos evitam-se futuras correções ao sistema.

Para Fernando, os modelos de levantamento de requisitos utilizados hoje são falhos e é a principal razão pelo atraso na entrega de sistemas. Por meio da atuação da sua empresa Fernando disse perceber que grande parte dos atrasos na entrega dos Projetos estavam relacionados  a definição dos requisitos. Hoje ele conta que a empresa já desenvolve ações baseadas nesta nova técnica de definição de requisitos e segundo ele os resultados tem sido excelentes. Para ele a pesquisa além de contribuir para sua formação e competência acadêmica como docente também aprimora os serviços oferecidos em sua empresa.

Nova Técnica – Segundo Fernando a nova técnica apresentada em sua pesquisa integra técnicas da engenharia de software com conhecimentos da área de psicologia, como a utilização de mapas mentais. Para o Professor esta nova técnica permite que além de reconhecer as necessidades do cliente sobre o sistema, o profissional de informática confirma se o que o cliente expressou é realmente o que a empresa compreendeu. Para Fernando este entendimento deve ser de 100%. Ele explica que o mapa mental esboça situações que em seguida são comparadas com as informações técnicas prestadas pelo cliente. O objetivo é promover uma fidelidade quase que absoluta entre o sistema solicitado pelo cliente e o que foi compreendido pela empresa.

Fernando ainda fala que todas as experiências vivenciadas na Fema quando aluno foram fundamentais para o resultado nesta seleção do Programa de Mestrado. “Tive aulas com excelentes professores, atenciosos, motivadores. A graduação e a especialização foram degraus importantes para chegar até o Mestrado” afirmou ele. Atualmente como professor ele enfatiza que o conhecimento na área é muito dinâmico, onde o que é atual hoje, amanhã muitas vezes já está ultrapassado por isso a atualização do docente nesta área deve ser uma preocupação constante. Fernando lembra que participa de treinamentos quase todo mês e que a atividade na empresa também proporciona uma atualização permanente do que há de novo no mercado. Para ele todo contato com o mercado de trabalho é levado pelo empresário para a sala de aula enquanto docente.

Para saber mais sobre os cursos de Informática da Fema acesse www.fema.edu.br

Deixe um comentário

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora gratuitamente sua conta e faça parte.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Bolsa Empreendedor abre inscrições para a 3ª turma na região

Cada bolsa será de R$ 1 mil e paga em duas parcelas de R$500.

Governo vai instalar 12 mil pontos de internet em escolas públicas

Governo vai instalar 12 mil pontos de internet em escolas públicas.