Projeto de Educação Nutricional é desenvolvido nas escolas municipais

O Projeto de Educação Nutricional consiste em levar informações sobre alimentação aos alunos de 3º ao 5º ano das escolas municipais.

O Projeto leva informações sobre alimentação aos alunos de 3º ao 5º ano da rede municipal (Foto:Erica Bueno)

Na última sexta-feira (28), a estudante do 4º ano de nutrição Nina Soares Ferraz, sob a supervisão do nutricionista Eduardo Pimentel Nicolosi, diretor da Divisão de Alimentação Escolar, juntamente com a Secretaria Municipal da Educação, iniciou o Projeto de Educação Nutricional, que consiste em levar informações sobre alimentação aos alunos de 3º ao 5º ano das escolas municipais.

De maneira lúdica, Nina compartilha com os alunos a história “O Duelo das Fadas”, de Patrícia Engel Secco, que conta as aventuras de três fadas responsáveis pelo valor nutricional de todos os alimentos do mundo, explicando quais são os alimentos reguladores, energéticos e construtores, que consumidos em equilíbrio, são fundamentais para o funcionamento do corpo humano. Após a leitura do conto e constante interação dos alunos, eles recebem uma atividade de identificação e colagem dos alimentos, reforçando o aprendizado obtido.

Para Nina, é importante que os alunos conheçam cada grupo de alimentos, as propriedades e seus nutrientes, com enfoque em uma alimentação balanceada; “Tenho visto nas escolas em que visito com o projeto, que os alunos têm levado, na maioria das vezes, apenas alimentos que não são saudáveis, como salgadinhos, refrigerante e chocolate; com isso, as crianças podem ficar desnutridas e desenvolver doenças que são mais comuns somente na fase adulta, como diabetes e colesterol alto,” relata a estudante.

Segundo Eduardo Nicolosi, a Educação Nutricional é um processo de aprendizagem em que as crianças podem aprender e se comprometer com uma alimentação adequada, que proporciona melhor condição de saúde e está diretamente ligada à redução da incidência de doenças na idade adulta.

“A escola, como estabelecimento de ensino, exerce uma grande influência sobre as crianças e os adolescentes, contribuindo enormemente para a formação de seus valores, pois é na escola que eles passam grande parte do seu dia, tornando-se assim, um lugar ideal para o desenvolvimento de programas de promoção da saúde e formação de hábitos saudáveis”, finaliza o diretor da Divisão de Alimentação Escolar.

#MAIS LIDAS DA SEMANA