Terceira chamada da Unesp será publicada nesta terça-feira

As cidades para as quais há oferta de carreiras neste vestibular são Assis (405 vagas), Tupã (120), Ourinhos (90) entre outros municípios.

Terceira chamada da Unesp será publicada nesta terça-feira (Foto: Reprodução)
Terceira chamada da Unesp será publicada nesta terça-feira (Foto: Reprodução)

A Universidade Estadual Paulista (Unesp)  divulgará a partir das 14 horas desta terça-feira (01/03), a relação dos convocados para matrícula em terceira chamada do Vestibular 2016. A consulta da lista de convocados estará disponível nos sites vestibular.unesp.br e www.vunesp.com.br. O total de inscritos no exame foi de 103.677 candidatos.

Nos dias 3 e 4 de março (quinta e sexta), das 9 às 18 horas, o candidato convocado para matrícula deverá comparecer à seção de graduação da unidade onde funciona o curso para o qual se inscreveu, portando duas fotos recentes 3X4 e duas cópias autenticadas em cartório ou duas cópias acompanhadas dos originais de cada um dos documentos relacionados no artigo 22 da Resolução Unesp, publicada também no Manual do Candidato, disponível para conferência nos sites mencionados acima.

As cidades para as quais há oferta de carreiras neste vestibular são Assis (405 vagas), Araçatuba (170 vagas), Araraquara (855), Bauru (1.045), Botucatu (600), Dracena (80), Franca (400), Guaratinguetá (310), Ilha Solteira (310), Itapeva (80), Jaboticabal (280), Marília (475), Ourinhos (90), Presidente Prudente (640), Registro (40), Rio Claro (490), Rosana (80), São João da Boa Vista (40), São José do Rio Preto (460), São José dos Campos (120), São Paulo (185), São Vicente (80) e Tupã (120).

Em 2015, cerca de 3.300 alunos egressos de escolas públicas ingressaram na Unesp. No Vestibular 2016, o Sistema de Reserva de Vagas para a Educação Básica Pública (SRVEBP) garante um mínimo de 35% das vagas de cada curso para alunos que tenham feito todo o ensino médio em escola pública, proporção essa que deve chegar a 50% até o Vestibular 2018. Atualmente, vários cursos da Unesp já tem 50% ou mais de seus alunos vindos da escola pública, mas o SRVEBP garante que isso se dê em todos os cursos de graduação que a universidade oferece.

Os alunos ingressantes vindos de escolas públicas e/ou de baixa renda podem contar com os inúmeros programas de apoio à permanência estudantil: moradia estudantil, bolsas de auxílio manutenção, dentre outras. Dentre os alunos de escolas da Secretaria da Educação que se inscrevem para o vestibular mediante a senha retirada em suas escolas, os de melhor classificação recebem bolsas válidas para todo o período do curso no qual ingressaram.

#MAIS LIDAS DA SEMANA