Fique conectado

Estilo de vida

Reeducação alimentar: sem neuras para 2019

Nutricionista Ana Paula Del´Arco e educador físico Marcio Atalla dão dicas de boas práticas para uma vida saudável.

Publicado em

138

Reeducação alimentar: sem neuras para 2019

Com o início de um novo ciclo, além das metas profissionais, as pessoas também resolvem rever aspectos de sua saúde e estilo de vida. Muitas optam por melhorar a dieta, porque querem perder peso ou querem mudar os seus hábitos alimentares. Segundo Ana Paula Del’Arco, nutricionista e consultora da Viva Lácteos (Associação Brasileira de Laticínios), uma dieta equilibrada, que contempla todos os grupos alimentares, em quantidades adequadas para cada indivíduo, é uma das chaves para uma vida saudável.

A reeducação alimentar está intimamente relacionada com a individualidade de cada ser humano, que deve considerar aspectos culturais, além de respeitar as necessidades nutricionais de cada indivíduo, que são únicas, uma vez que cada pessoa tem uma condição biológica específica, considerando a fase de vida em que se encontra e os seus hábitos de vida. “Significa comer a quantidade adequada de alimentos, contemplando todos os grupos alimentares (carboidratos; grãos inteiros, frutas, hortaliças, proteínas de origem animal e vegetal, lácteos e derivados, gorduras e açúcares), garantindo assim a diversidade de nutrientes que o corpo precisa para funcionar adequadamente”, pontua Ana Paula.

Muitas pessoas acabam confundindo, reeducação com restrição, entretanto “dietas milagrosas” que resultam em perda de peso a curto prazo, trazem diversos riscos à saúde e não traduzem um hábito saudável, somado ao fato de que a maioria das pessoas não conseguem mantê-las e acabam jogando a toalha dentro de algumas semanas.

Sobre os riscos dessas dietas, Marcio Atalla, educador físico, destaca que é a favor da reeducação alimentar. “O ideal é buscar uma alimentação equilibrada com todos os nutrientes necessários para você e que passe a fazer de fato parte do seu dia a dia. Sem essa de prazo de validade”.

Um modismo que já contou com mais adeptos foi a dieta “sem lactose”. A lactose não traz nenhum malefício para a saúde, salvo para aquelas pessoas com intolerância à lactose diagnosticada.

“O leite é uma fonte importante de cálcio, proteínas, vitaminas, gorduras, por essa razão sou contra a dietas restritivas. As pessoas que buscam emagrecer, qualidade de vida devem sempre buscar pelo acompanhamento de um profissional que possa adequar a sua dieta a um padrão alimentar que junto com o estilo de vida (sempre com movimento) permita o controle/manutenção do peso e melhorias para a saúde como um todo”, pontua Atalla.

Então, para o próximo ano, esqueça o “tudo ou nada” e aposte no equilíbrio e variedade na dieta para garantir assim a adequada nutrição, sem deficiências e sem excessos nutricionais.

Estilo de vida

Conheça alguns benefícios do maracujá e prepare uma torta econômica

Com rendimento de 12 porções, a deliciosa Torta de Ricota com Maracujá sai por menos de R$ 3 por porção.

Publicado em

Torta de Ricota com Maracujá

O maracujá é uma das frutas mais conhecidas e adoradas no mundo. O seu sabor cítrico, excelente para sucos e bebidas, combina também com muitas receitas de peixes, carne vermelha, salada e sobremesas. A polpa é a parte mais utilizada do fruto, mas não podemos esquecer as sementes já que são ótimas para incrementar ou decorar os pratos.

De fácil adaptação ao clima tropical, em quase todos os meses podemos encontrá-lo nas feiras e nos supermercados do país. A fruta é rica em vitaminas A, C e outras do complexo B. Também é um excelente calmante natural por causa da sua boa quantidade de sais minerais (cálcio, sódio e fósforo). A casca e a semente são fonte de fibras, que colaboram na digestão e no emagrecimento, e ainda ajudam a prevenir e controlar a diabetes.

Agora pegue o seu caderninho e anote a receita de Torta de Ricota com Marcujáque o AssisNews, preparou especialmente para a sua família. A sobremesa é fácil de fazer, rende até 12 porções e você vai gastar até R$ 35,00. Ou seja, cada pedaço sai por menos de R$ 3,00.

Bom apetite!

Torta de Ricota com Maracujá

 
Ingredientes
Massa:
1 pacote de Biscoito Leite (390g)
1 xícara (chá) de margarina em temperatura ambiente (200g)

Recheio de Ricota:
2 xícaras (chá) de leite
2 latas de leite condensado
5 xícaras (chá) de ricota
2 colheres (sopa) de amido de milho
2 colheres (sopa) de margarina derretida
2 colheres (sopa) de farinha de trigo
3 colheres (sopa) de suco de maracujá sem açúcar

Cobertura:
3 maracujás
5 colheres de (sopa) de açúcar
1 colher (sopa) de amido de milho

Para decorar:
2 pacotes de Palitos de chocolate (120g)

 Modo de Preparo
Prepare a massa:
– Leve ao processador o Biscoito Leite e bata até obter uma farofa. Despeje numa tigela funda, junte a margarina e amasse bem com os dedos para ligar tudo. Forre o fundo de uma forma desmontável (25cm de diâmetro) e reserve.

Prepare o recheio de ricota:
– Coloque no liquidificador todos os ingredientes e bata por 3 minutos. Despeje o recheio de ricota na massa, espalhando bem com a ajuda de uma colher.
– Leve ao forno médio (180ºC) pré-aquecido por cerca de 40 minutos. Reserve.

Prepare a cobertura:
– Em uma panela pequena, acrescente a polpa de maracujá com as sementes, o açúcar, o amido de milho, 1 xícara (chá) de água e deixe cozinhar por cerca de 5 minutos ou até que a calda fique consistente. Desligue o fogo e reserve.
– Desenforme a torta, cubra com a cobertura e decore as laterais com os Palitos de Chocolate. Sirva a seguir.

 Rendimento: 10 a 12 porções

Continue lendo

Estilo de vida

Como usar meu suplemento de forma variada no dia a dia?

3 receitas para você incluir na rotina compostas por suplementos!

Publicado em

Do G1

Para quem necessita de suplementos alimentares, uma boa forma de consumi-los é variando em receitas. Vamos concordar que só tomar com água uma hora enjoa, não é verdade? Por isso, selecionei 3 receitas que você pode incluir no seu dia a dia, levando suplemento proteico na composição. Veja:

1. Mousse de chocolate crocante – Sobremesa

Ingredientes

  • 1 abacate maduro
  • 1 xícara (chá) de chocolate 70% cacau
  • 2 scoops de Whey Protein ou proteína vegetal sabor baunilha
  • Morangos
  • Castanhas de caju sem sal

Modo de preparo: amasse o abacate. Derreta o chocolate e misture com o abacate amassado. Coloque o suplemento e misture bem. Leve à geladeira por 1 hora. Sirva com morangos picados e as castanhas sem sal.

Mousse de chocolate crocante feito com abacate é a opção de sobremesa — Foto: Pixabay/Divulgação

2. Shake Energético – Café da manhã

Ingredientes

  • 1 copo de suco de laranja
  • 6 morangos
  • 1 banana
  • 1 scoop de Whey Protein ou proteína vegetal sabor chocolate
  • Gelo a gosto

Modo de preparo: bata todos os ingredientes no liquidificador e sirva gelado!

3. Bolo de caneca rápido – Lanche da tarde

Ingredientes

  • 2 colheres de farelo de aveia
  • 1 ovo
  • 1 colher de mel
  • 2 colheres de leite de coco
  • 1 scoop de Whey Protein ou proteína vegetal sabor baunilha
  • Pedaços de chocolate amargo
  • 1 colher de coco ralado sem açúcar
  • 1 colher (café) de fermento em pó

Modo de preparo: em uma caneca, misture todos os ingredientes e mexa até formar uma massa homogênea. Adicione os pedaços de chocolate amargo. Leve ao forno micro-ondas por 2 a 3 minutos.

Todas as receitas podem ser preparadas sem a adição do suplemento. Essas são opções nutritivas e práticas para unir a qualidade nutricional com o prazer do sabor da receita!

Continue lendo

Estilo de vida

Café da manhã: comer logo cedo não ajuda a emagrecer, indica pesquisa

No entanto, especialistas ressaltam que a primeira refeição do dia é uma boa fonte de cálcio e fibras e melhora níveis de concentração e atenção, especialmente em crianças.

Publicado em

Da BBC
Um café da manhã saudável pode ser uma boa fonte de cálcio e fibras — Foto: Pixabay

O café da manhã é considerado por muitas pessoas a refeição mais importante do dia e imprescindível para se manter uma boa saúde e peso. Mas comer logo cedo não ajuda a emagrecer, indica uma nova pesquisa – na verdade, os indícios apontam o contrário.

Quem toma café da manhã consome em média 260 calorias e pesa 1 kg a mais do que aqueles que pulam a refeição, segundo uma revisão de estudos anteriores.

Mas especialistas dizem que um café da manhã saudável pode ser uma boa fonte de cálcio e fibras. Também foi verificada uma melhora os níveis de concentração e atenção, especialmente em crianças.

Tomar café da manhã aumenta ingestão de calorias e apetite à tarde

É comum a ideia de que o café da manhã dá energia, impede que uma pessoa faça muitos lanches ao longo do dia e fornece nutrientes essenciais ao organismo.

Essa reputação deriva de estudos observacionais que mostram uma ligação positiva entre tomar café da manhã e manter um peso saudável.

Mas uma nova pesquisa australiana no periódico médico BMJ revisou os resultados de 13 estudos do efeito do café da manhã sobre o peso e a ingestão de energia e encontrou poucas evidências para sustentar estas crenças.

As descobertas da equipe de pesquisadores da Universidade Monash, em Melbourne, sugerem que pular o café da manhã pode, na verdade, ser uma boa maneira de reduzir a ingestão calórica total diária.

Estudo tem limitações

Eles chegaram à conclusão que as pessoas que costumam tomar café da manhã consumem mais calorias no geral e têm um apetite maior à tarde.

E dizem ser preciso cautela ao recomendar o café da manhã para a perda de peso em adultos, porque isso pode ter o efeito oposto. No entanto, os cientistas ressaltaram que seu estudo tem limitações.

Os participantes dos estudos foram acompanhados apenas por períodos curtos – entre 2 e 16 semanas -, e a diferença na ingestão de calorias entre quem toma café da manhã e quem pula a refeição foi pequena.

Os pesquisadores concluíram que, para prever o efeito a longo prazo de pular ou tomar café da manhã, ainda são necessárias mais pesquisas.

Pesquisa sugere que pular o café da manhã pode ser uma boa maneira de reduzir a ingestão calórica total diária — Foto: Pixabay

A primeira refeição do dia é fonte de cálcio e fibra

O professor Kevin Whelan, especialista em dietética e chefe do departamento de Ciências Butricionais do King’s College London, no Reino Unido, diz que não devemos ficar muito focados na ingestão de calorias logo de manhã.

“Este estudo não diz que o café da manhã é ruim para a saúde. O café da manhã é importante para a ingestão de nutrientes, cálcio e fibras”, afirma.

Mas a pesquisa do BMJ não analisou este aspecto específico do café da manhã sobre uma dieta equilibrada.

“Não se está falando que o café da manhã é a causa da obesidade”, diz.

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Solutudo 300
Publicidade

FaceNews

Mais lidas