Morre empresário vítima de explosão em cozinha do Restaurante e Choperia Vitória

Luis Adriano estava internado em hospital especializado em queimaduras, na cidade de Campinas (SP), mas não resistiu aos ferimentos.

Luis Adriano da Silva

O empresário Luis Adriano da Silva, de 45 anos, morreu na madrugada desta quinta-feira (03), após não resistir às gravidades dos ferimentos causados com a explosão ocorrida na cozinha do seu estabelecimento, o Restaurante e Choperia Vitória, no último sábado (29).

Nesta quarta-feira, a vítima havia conseguido ser transferida para o Hospital Irmãos Penteados, na cidade de Campinas (SP), local onde há especialidade em queimaduras.

O corpo de Luis Adriano será transladado para Paraguaçu Paulista (SP). O velório ocorrerá no Velório Municipal, em horário a ser definido.

Ele deixa a esposa, Valéria Veríssimo, e três filhos.

O ACIDENTE

Quatro pessoas ficaram feridas após uma explosão causada por vazamento de gás no Restaurante e Choperia Vitória, no centro de Paraguaçu Paulista (SP), no início da noite do último sábado, dia 29.

De acordo com a proprietária do local, Valéria Veríssimo, por volta das 18h30 um forno começou a ter problemas e logo ele explodiu. Com isso, iniciou uma labareda de fogo no botijão de gás e as chamas se espalharam pela cozinha.

O esposo da proprietária e uma funcionária ficaram queimados. Duas outras pessoas tentaram ajudar com extintores de incêndio, mas também acabaram ficando feridas.

Das vítimas, apenas uma continua internada, no mesmo local onde se encontrava Luis Adriano, o Hospital Irmãos Penteados.

#MAIS LIDAS DA SEMANA