Destinar parte do IR não custa nada e gera investimentos para criança e adolescente de Assis

A doação de parte do imposto de IR não custa nada para a pessoa ou empresa, o recurso destinado pelo IR apenas deixa de ir para a União e é encaminhado como investimento para as entidades assistenciais do município.

Existe em nossa legislação de Imposto de Renda, a possibilidade destinar parte do imposto devido como doações às entidades que cuidam de nossas crianças e a adolescentes, via Fundo Municipal da Criança e do Adolescente, restringindo-se ao percentual de 6% pessoas físicas que declaram o imposto de renda no modelo completo, e também 1% pessoas jurídicas que declaram no modelo de lucro real, não acumulativos. Esses são geridos pelo Conselho Municipal da Criança e do Adolescente de Assis – CMDCA que fiscalizam as entidades e emitem os documentos oficiais para a legalização e dedução das doações no município.

Em Assis o CMDCA em parceria com o Projeto Rede Ciranda, Fundação Telefônica-Vivo, a Associação Comercial e Industrial de Assis – ACIA, a Associação dos Profissionais Contábeis de Assis e Região, Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo/Assis, Rotary Clube Assis-Norte e apoio da Agência da Receita Federal/Assis, estão mobilizados em sensibilizar a comunidade empresarial e civil na destinação de parte do imposto de renda para o Fundo Municipal, com o objetivo de oferecer melhores condições às entidades que prestam atendimento à criança e ao adolescente.

Dentre as ações de mobilização as instituições parceiras desta causa têm afixados na cidade outdoors, distribuídos folhetos de orientação, incentivado programas televisivos exibidos no canal 12 da tv à cabo de Assis (parceria com as TVs FEMA e Unesp), mensagens nas rádios e releases em jornais locais, além de manter um site com todas as informações sobre a doação do imposto de renda e ainda um sistema de geração de boleto online para a efetivação da mesma.

A doação de parte do imposto devido não custa nada para a pessoa ou empresa declarante do IR, o recurso destinado pelo IR apenas deixa de ir para a União e é encaminhado como investimento local para as entidades assistenciais do município. Para agradecer e ao mesmo tempo prestar contas sobre o excelente trabalho realizado nas entidades assisenses o CMDCA de Assis ainda publicou um livro de fotos (em parceria com o Grupo do Click) que mostra a beleza do atendimento prestado em Assis, que está sendo distribuído as pessoas doaram e que doarem parte do IR ao Fundo Municipal da Criança e do Adolescente.

Números – Em Assis, conforme informações obtidas junto aos órgãos competentes foram arrecadados em 2011 um montante de Imposto de Renda de Pessoas Físicas, do qual 6%  poderiam ser destinados às Crianças, Adolescentes e Idosos, o que representaria R$1.588.449,66. Destes, segundo dados do Conselho, somente R$59.728,11 foram direcionados ao Fundo do CMDCA. Isto é, R$1.528.721,55 foram para a Receita Federal e deixaram de ser investidos diretamente no município. Este comparativo é apenas uma mostra do potencial que o município tem de investir em ações que visam única e exclusivamente o atendimento as crianças e adolescentes de Assis.

Para obter mais informações e doar ao Conselho Municipal da Criança e do Adolescente de Assis e as entidades registradas no mesmo acesse www.cmdca-assis.org.br

 

Broto Verde é um dos Projetos que são beneficiados com a doação do IR

Parte dos recursos doados são utilizados para o oferecimento de uniformes aos jovens do Broto Verde.
Folheto ok. Folheto da campanha de Doação do Imposto de Renda

O Projeto Broto Verde é desenvolvido pela Flora Vale – Associação de Recuperação Florestal do Médio Paranapanema, com parceiros públicos e privados, pessoas físicas e jurídicas e que  tem como objetivo assegurar aos adolescentes de baixa renda do município a oportunidade de aprendizado das funções de viveirismo, com enfoque em educação ambiental e interpretação da natureza.

Atualmente são atendidos no Projeto 40 adolescentes com idades de14 a16 anos que recebem apoio pedagógico, participam de atividades de educação física, educação ambiental, eventos, palestras educativas e de acompanhamento psicológico com o objetivo de estimular o adolescente a assimilar a importância da cidadania para a sua integração na sociedade. Como incentivo os alunos do Broto Verde recebem uma bolsa-aprendiz que é repassada aos mesmos por meio de convênio com a Prefeitura Municipal.

Para o Projeto Broto Verde os recursos repassados via Fundo Municipal da Criança e do Adolescente, destinados por meio da doação do Imposto de Renda de pessoas físicas e jurídicas, faz toda diferença na manutenção e melhoria do Projeto ao longo do ano.

Exemplo são os recursos que foram destinados via doação IR no ano calendário 2011 e que foram utilizados para a execução de parte da construção de um centro de convivência que servirá como espaço para atividades diversas de educação ambiental, confraternização dos alunos, acolhimento de grupos organizados que visitam o Projeto e contará ainda com uma sala para a coordenação do Projeto e vestiários.

Com os últimos recursos repassados o Projeto ainda conseguiu custear uniformes para os alunos, dois monitores (profissionais de orientação) adquirir um notebook, auxiliar o custeio da alimentação servida para os adolescentes e de materiais didáticos diversos.

Com os recursos vindos do Fundo o Projeto está construindo um prédio que funcionará com centro de convivência.

Para saber mais sobre o Projeto Broto Verde acesse o site www.floravale.com.br ou faça uma visita à sede do Projeto – Av. Getúlio Vargas s/n – próximo ao Centro Social Urbano. Sua doação fará toda diferença para esta e outras entidades, informe-se, participe, doe!

Jovens tem a oportunidade de aprender as funções de viveirismo, com enfoque em educação ambiental e interpretação da natureza.

 

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA