Caixas de som instaladas na Av. Rui Barbosa trás transtorno a moradores no local

A Blogueira e Advogada Leila Diniz insatisfeita com o grande barulho gravou um vídeo e postou no site de vídeos Youtube.

Caixas de som instaladas na Av. Rui Barbosa trás transtorno a moradores no local

Todos os anos na chegada do Dezembro, o clima de Natal e confraternização envolve a todas as pessoas. Mas não é bem esse clima que Leila Diniz que possui uma sala na Av. Rui Barbosa  sente.

As caixas de som que são instaladas nos postes da Avenida para levar um som ambiente e fazer com que o comércio entre no clima do natal, estão causando transtornos a Leila e outros moradores,

O Som muito alto distrai e atrapalha os moradores e trabalhadores do local.

A Blogueira e Advogada gravou um vídeo e postou no site de vídeos Youtube, e fez a seguinte reclamação:

RECLAMAÇÃO: pessoal de Assis, não entendo essa de colocar caixa de som com rádio nos postes da Avenida Rui Barbosa aqui na Cidade de Assis – SP, todo final de ano é a mesma coisa, o dia todo com pagode, samba, música alta de todo tipo! E em pleno horário comercial, horário de trabalho, concentração em escritórios! Tem hora que a música alta entra na cabeça quase enlouquecendo!

Tem horas que vc não consegue nem conversar se estiver na avenida embaixo da caixa de som! Isso espanta possíveis consumidores ao invés de atraí-los, eu particularmente gosto de comprar refletindo sobre os produtos, mas com um som alto deste eu quero mais é correr do local.

No final de todo ano nos dias que o comércio abre até as 22hs eles colocam CAIXAS DE SOM nos postes de iluminação pública, nem sei se isso é legal já que os postes devem pertencem às empresas de energia elétrica. O som parece de megafone, minha sala de trabalho é no segundo andar, se na rua é alto imagina estando no mesmo patamar de altura que o aparelho!? Toda vez reclamações mil e sempre continuam. Nas lojas cujos postes são em frente fica praticamente impossível permanecer no local. Depois centenas de propagandas, aff! por Leila Diniz.”

Assista ao vídeo que demonstra o que os moradores terão que agüentar nesse período.

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA