Suspensão na venda de AdeS é válida para os fabricados em MG, diz Vigilância

Os sucos com embalagens de 200 e 330 ml podem ser consumidos normalmente, já que não foram suspensos.

Os sucos com embalagens de 200 e 330 ml podem ser consumidos normalmente, já que não foram suspensos.

A Vigilância comunica aos moradores da cidade e responsáveis por estabelecimentos comerciais que houve um equivoco na última semana, quando divulgou que os sucos da marca AdeS estavam com a venda suspensa pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e portanto não deveriam ser consumidos, até segunda ordem.

Nesta semana A Vigilância sanitária recebeu novas orientações quanto a venda do produto e, portanto, esclarece que estão suspensos apenas os produtos que possuem as iniciais AG e foram fabricados na linha de produção TBA3G, ou seja, apenas os alimentos produzidos em Pouso Alegre, Minas Gerais e que pertencem ao referido lote estão suspensos.

Além disso, os sucos com embalagens de 200 e 330 ml podem ser consumidos normalmente, já que não foram suspensos.

A Vigilância Sanitária orienta ainda os estabelecimentos comerciais a retirarem os lotes de iniciais AG de suco AdeS da exposição ao consumidor, lembrando que os produtos podem ser mantidos em estoque até que seja publicada a medida conclusiva da Anvisa.

A Vigilância Sanitária também se coloca a disposição de todos para qualquer esclarecimento, sendo que o órgão funciona no Departamento Municipal de Saúde e o atendimento pode ser feito das 7h às 11h e das 13h às 17h.

#MAIS LIDAS DA SEMANA