Secretário da Habitação visita Assis e apresenta programas habitacionais para região

O Secretário veio à cidade para colaborar afim de que as prefeituras solucionem os seus problemas habitacionais

Deputado Mauro Bragato, Prefeito Ricardo Pinheiro e o Secretário da Habitação Silvio Torres (Foto: Assessoria)

Assis recebeu na tarde de sexta-feira, dia 12, a visita do secretário de Estado da Habitação, Silvio Torres, e do Deputado Estadual Mauro Bragato, para apresentarem aos prefeitos da região de Assis as políticas habitacionais do Estado de São Paulo, que estão disponíveis para esses municípios.

O objetivo da vinda do secretário à cidade foi o de agilizar processos de atendimentos e colaborar para que as prefeituras solucionem os seus problemas habitacionais. Foram abordados temas como os programas da Agência Casa Paulista e Cidade Legal.

O evento aconteceu na Secretária da Educação de Assis, e foram convidados prefeitos de 51 municípios, que despacharam suas reivindicações às autoridades do estado, e ouviram respostas satisfatórias, criando boas perspectivas para o andamento nos processos habitacionais da região.

O Prefeito de Assis Ricardo Pinheiro Santana recebeu a notícia da aquisição de importantes pleitos para o município. Entre eles está a conquista de uma verba de 400 mil reais para a aquisição de um terreno para a construção de mais 200 casas.

“Fomos autorizados a buscar recursos para a construção de casas habitacionais para os Servidores Públicos de Assis, estaremos fazendo isso imediatamente. Fomos autorizados a fazer contato com empreendedores para buscarmos a construção de mais casas, visando cumprir a demanda que Assis precisa”, informou Pinheiro.

A conquista de uma área habitacional para os servidores municipais é um compromisso de Ricardo Pinheiro, que está buscando, junto ao governo do estado, melhores condições de moradias para a população.

“Vamos ajudar o município de Assis com verbas para a construção de mais 200 casas habitacionais. Vamos buscar soluções para funcionários públicos, pois há uma grande demanda no município, e será um acolhimento diferenciado, como a casa paulista, que tem o objetivo de estimular investimentos em habitação e interesse social nas regiões” esclareceu o secretário Silvio Torres.

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA