Sindicato dos Bancários protesta contra falta de condições de trabalho

Falta de ar condicionado em algumas agências bancárias de Assis, está sendo motivo de protesto e possível paralisação das atividades pelo Sindicato.

Falta de ar condicionado em algumas agências bancárias de Assis, está sendo motivo de protesto e possível paralisação das atividades pelo Sindicato (Foto: Assessoria)

A falta de ar condicionado em algumas agências bancárias de Assis como Itaú-Unibanco, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, está sendo motivo de protesto e possível paralisação das atividades pelo Sindicato dos Bancários contra as más condições de trabalho dos bancários e atendimento a clientes nesta época de calor intenso.

Em São Paulo, o Sindicato teve de paralisar mais três unidades na última quinta-feira, 6 de fevereiro, uma do HSBC, uma do Banco do Brasil e outra da Caixa Federal. Em uma delas um vigilante passou mal devido ao forte calor e precisou ser socorrido pelo Resgate.

A mesma realidade se repete em Assis, em que a agência do Itaú-Unibanco na semana passada também estava com ar condicionado apresentando problemas e o Sindicato teve que intervir para que alguma providência fosse tomada. “O banco prometeu o reparo do aparelho. Se isso não acontecer, teremos que fechar a agência”, afirma o presidente Helio Paiva Matos.

Na capital, já foram registrados desde o início do ano ao menos 110 ocorrências desse tipo. Foram 70 casos em janeiro e 40 somente na primeira semana de fevereiro. O dirigente sindical orienta aos bancários para que, em primeiro lugar, abram um chamado no setor de manutenção do banco caso ocorram problemas semelhantes. “Se o banco não resolver, aí o bancário deve procurar o Sindicato”, completa Matos.

Falta de ar condicionado em algumas agências bancárias de Assis, está sendo motivo de protesto e possível paralisação das atividades pelo Sindicato (Foto: Assessoria)

#MAIS LIDAS DA SEMANA