Civap divulga resultado do Concurso com vagas para a UPA

O resultado foi divulgado no dia 07 e está disponível no site civap.com.br. Em breve a rede de urgência deve ser efetivada em Assis e Região.

A rede de atendimento de urgência, que será em breve efetivada em Assis e Região, será gerenciada pelo Civap (Foto: Divulgação)

O resultado do Concurso, que preencherá vagas na sede administrativa do Civap/Saúde, SAMU e UPA foi divulgado no último dia 07. Com a finalização do Concurso aumenta a expectativa do início das atividades da rede de urgência, que promoverá importantes melhorias aos serviços de saúde de Assis e Região.

No final do ano passado o Civap realizou um Concurso para a equipe técnica e de apoio do SAMU. No início deste mês os aprovados foram convocados. Todos os convocados tem agora, 30 dias para assumir a função. Já o Concurso, que ainda está em andamento, fomentará a equipe que atuará na Unidade de Pronto Atendimento – UPA, também completará o quadro do SAMU, com condutor de veículo de urgência  e acrescentará a equipe do Civap/Saúde, com profissionais que executarão as funções de auxiliar administrativo e ajudante de serviços.

A rede de atendimento de urgência, que deve ser, em breve, efetivada em Assis e Região será gerenciada pelo Civap e abrange os serviços do SAMU, UPA.

O SAMU contará com uma base central em Assis e três bases avançadas, localizadas nos municípios de Palmital, Tarumã e Paraguaçu Paulista. Atuará nestas bases, uma equipe formada por médicos, enfermeiros, condutores de veículos, auxiliares administrativos, ajudantes de serviços, telefonistas, farmacêuticos e rádio-operadores. Caberá a esta equipe prestar atendimento hospitalar no menor tempo possível, salvando vidas e diminuindo sequelas. O atendimento prestado pelo SAMU também oferece o direcionamento para o serviço mais próximo e adequado, promovendo o tempo/resposta, o que é crucial em emergências.

Segundo a diretora executiva do Consórcio, Ida Franzoso de Souza estão sendo tomadas as últimas providências para o pleno funcionamento do SAMU Regional e da UPA.

“Estamos finalizando os trabalhos de organização do funcionamento do SAMU, de maneira que, ao iniciar suas atividades, a comunidade receba um atendimento de qualidade e eficiente. Assim também acontece com a UPA, que tão logo os trâmites necessários ao Concurso, convocação de aprovados e equipagem do prédio ocorra passará a funcionar”.  Ela ainda informa que, o Civap está empenhado em agilizar todas as providencias necessárias e que ambos os serviços devem ser efetivados ainda este ano.

Para conferir a lista dos aprovados no Concurso acesse www.civap.com.br.

Rede de Atenção às Urgências
Com a implantação do SAMU e da UPA a região do Vale do Paranapanema passa atender a Política Nacional de Urgência e Emergência, lançada em 2003 e que tem como objetivo estruturar e organizar a rede de urgência e emergência no país. Hoje, a atenção primária é constituída pelas unidades básicas de saúde e Equipes de Saúde da Família, enquanto o nível intermediário de atenção fica a encargo do SAMU 192 (Serviço de Atendimento Móvel às Urgências), das Unidades de Pronto Atendimento (UPA 24H), e o atendimento de média e alta complexidade é feito nos hospitais.

Esta Rede de Atenção às Urgências e Emergências busca articular e integrar todos os equipamentos de saúde para ampliar e qualificar o acesso humanizado e integral aos usuários em situação de urgência/emergência nos serviços de saúde de forma ágil e oportuna. A Rede de Urgências ainda busca de forma integrada colocar à disposição da população serviços mais próximos de sua residência.

Serviço de Atendimento Móvel às Urgências (SAMU 192)
Ao discar o número 192, o cidadão estará ligando para uma central de regulação que conta com profissionais de saúde e médicos treinados para dar orientações de primeiros socorros por telefone. São estes profissionais que definem o tipo de atendimento, ambulância e equipe adequados a cada caso. O SAMU atende pacientes na residência, no local de trabalho, na via pública, ou seja, através do telefone 192 o atendimento chega ao usuário onde este estiver.

A equipe presta atendimento no menor tempo possível já no local, ainda fora do ambiente hospitalar, salvando vidas e diminuindo sequelas. O programa oferece o direcionamento para o serviço mais próximo e adequado, assim a equipe, que está na ambulância ganha tempo (diminui o tempo/resposta), o que é crucial em emergências.

A Unidade de Pronto Atendimento -UPA tem como objetivo diminuir as filas nos prontos-socorros dos hospitais, evitando que casos que possam ser resolvidos nas Unidades de Pronto Atendimento ou Unidades Básicas de Saúde, sejam encaminhados para as unidades hospitalares. As UPAs funcionam 24 horas por dia, sete dias por semana, e podem resolver grande parte das urgências e emergências.

Pronto-Socorro Referenciado
Com a transição do Pronto Socorro para a UPA, o atual Pronto Socorro do Hospital Regional se tornará Referenciado e contará com uma equipe médica em plantão permanente para atendimento de urgência e emergência, além de infraestrutura diagnóstica disponibilizada pelo hospital. O serviço também apoiará a internação dos pacientes criticamente enfermos e será preparado para receber os casos mais graves e complexos de Assis e Região. No atendimento do Sistema Único de Saúde (S.U.S.), de referência e contra referência o Pronto Socorro receberá as urgências e emergências de média e alta complexidade encaminhadas pelos serviços de resgate, SAMU e pelos Prontos Socorros da região.

#MAIS LIDAS DA SEMANA