Sindicato de Assis e FETEC-CUT/SP iniciam debate sobre Campanha Nacional dos Bancários

Para essa fase preliminar estão previstas visitas aos sindicatos filiados, com debates sobre conjuntura econômica, política e sindical.

Sindicato de Assis e FETEC-CUT/SP iniciam debate sobre Campanha Nacional dos Bancários

Na terça-feira, 3 de junho, na sede do Sindicato dos Bancários de Assis e Região, dirigentes da entidade receberam o presidente da FETEC-CUT/SP, Luiz Cesar de Freitas, o Alemão e o secretário geral, Roberto Rodrigues, para dar início aos debates da Campanha Nacional dos Bancários 2014.

Para essa fase preliminar estão previstas visitas aos sindicatos filiados, com debates sobre conjuntura econômica, política e sindical. Além de Assis, a FETEC já percorreu essa semana as cidades de Catanduva, Presidente Prudente, Barretos, Bauru e Araraquara. Até o dia 18 serão visitadas Limeira, Bragança Paulista, Guarulhos e ABC, Vale do Ribeira, Taubaté, Mogi das Cruzes e Jundiaí.

A exemplo de anos anteriores, esta fase preparatória visa listar as perspectivas, buscar aperfeiçoamento da organização dos trabalhadores, bem como atualizar o momento econômico dos bancos. A partir desses debates preliminares, os sindicatos se instrumentalizarão para os Encontros Regionais, que serão realizados entre 01 e 12 de julho.

Desses encontros sairão os subsídios para a 16ª Conferência Estadual dos Bancários, a ser promovida pela FETEC-CUT/SP em 19 de julho, em São Paulo, com o objetivo de listar as propostas da base cutista para a 16ª Conferência Nacional dos Bancários. Nessa etapa nacional, que ocorrerá de 25 a 27 de julho, serão aprovadas as reivindicações que serão objeto de negociação com os representantes dos bancos e as estratégias de mobilização.

Para o presidente do Sindicato dos Bancários de Assis, Helio Paiva Matos, essa fase preparatória é muito importante para a antecipação de cenários locais para o planejamento de ações, tendo sempre como meta a busca de novas conquistas para a categoria. “Queremos que os bancos parem de somente visar lucro e cumpram seu papel social, através de uma prestação de serviços decente à sociedade”, finaliza.

#MAIS LIDAS DA SEMANA