Projetos socioambientais são práticas da CART em municípios onde atua

Balanço do 1º semestre inclui projetos que visam segurança viária, desenvolvimento econômico, social e ambiental, bem como garantia dos direitos humanos.

Projeto Saúde & Cidadania oferece testes rápidos de saúde, como de glicemia, aos motoristas de demais interessados (Foto: Divulgação/Cart)

A importância dos projetos socioambientais na construção de um mundo mais humano, responsável e sustentável é inquestionável. A CART desenvolve uma série de projetos socioambientais nos municípios onde atua visando o desenvolvimento de comunidades vulneráveis, a inclusão social, a sustentabilidade, a segurança viária e a proteção infantojuvenil. São projetos e práticas desenvolvidos pela Concessionária e em parceria com o Instituto Invepar nos municípios cortados pelo Corredor Raposo Tavares, de Bauru a Presidente Epitácio.

Neste ano, somente no primeiro semestre, quase 3.300 pessoas foram atendidas em diferentes projetos, como o Saúde & Cidadania, que oferece testes rápidos de saúde aos motoristas em uma carreta adaptada e equipada para este fim e o projeto Trânsito Legal, que atendeu estudantes e colaboradores de empresas situadas ao longo das rodovias administradas pela CART. É um trabalho por um trânsito mais seguro, focado na redução de acidentes e que envolve do pedestre ao motorista.

Também com o objetivo de proporcionar segurança nas rodovias, foram instaladas, gratuitamente, 706 faixas refletivas em caminhões nos Pit Stop do Caminhoneiro. Na campanha de enfrentamento à exploração sexual infantojuvenil, a CART distribuiu 110 mil materiais educativos aos usuários da via e 17 municípios foram parceiros realizando palestras e bloqueios educativos.

Como resultado do comprometimento dos colaboradores da CART, de empresas parceiras e dos usuários das rodovias, 2.281 peças de roupas, calçados e cobertores foram arrecadadas na Campanha do Agasalho da CART 2014. As doações já foram distribuídas para instituições de 17 municípios.

Parceria com o Instituto Invepar e Organizações Sociais da Região
O Edital de seleção de projetos socioambientais do Instituto Invepar veio contribuir com apoio a seis projetos da região atendida pela CART. O “Geração de Renda III”, que, neste ano, já capacitou 22 pessoas que trabalham com reciclagem de resíduos em Álvares Machado e Presidente Venceslau, e o Projeto “Renovar” que oferece atividades socioeducativas a adolescentes de comunidade vulnerável de Assis.

Projeto “Renovar” oferece atividades socioeducativas a adolescentes de comunidade vulnerável de Assis (Foto: Divulgação/Cart)

Para o segundo semestre, o projeto “Seguindo em Frente” vai envolver 50 moradores de Ibirarema, Espírito Santo do Turvo e Santo Anastácio, sendo voltado para o empreendedorismo e geração de renda. Outro projeto, o “[email protected]”, trará capacitação para 330 adolescentes de Assis que cumprem medida socioeducativa de liberdade assistida.

Com a proposta de proteger o meio ambiente, o “Plantando Árvores e Aproximando Pessoas” visa a restauração de áreas degradadas da mata atlântica na região de Presidente Epitácio e outro projeto, o “Malha” tem por objetivo a mitigação de impactos relacionados ao atropelamento de animais silvestres em todo o eixo rodoviário administrado pela CART, de Bauru a Presidente Epitácio.

Gestão Responsável
Os projetos socioambientais da CART procuram integrar ao negócio da empresa o desenvolvimento econômico, social e ambiental das localidades onde a empresa atua. Os colaboradores da CART são estimulados a  envolver-se com os projetos socioambientais para que, além de excelentes profissionais, sejam cidadãos engajados, conscientes e atuem para uma sociedade mais humana, justa e sustentável.

Desde 2010, a CART assinou o Pacto Global, iniciativa da ONU (Organização das Nações Unidas) que tem como objetivo mobilizar empresas para a adoção de valores fundamentais e internacionalmente aceitos nas áreas de direitos humanos, relações de trabalho, meio ambiente e combate à corrupção.

A CART conta com Comitê Interno de Responsabilidade Socioambiental que mantêm contato constante para o intercâmbio de informações e experiências, o planejamento de ações e o estabelecimento conjunto de estratégias, metas e objetivos. Em 2013, aplicou os Indicadores Ethos, desenvolvidos pelo Instituto Ethos para empresas interessadas em avaliar sua gestão sob a perspectiva da sustentabilidade e da responsabilidade social. Os resultados geraram um plano de ação para áreas diversas da empresa.

#MAIS LIDAS DA SEMANA