Ministério Público acata pedido de Timba sobre a “Represa do Cervo”

A busca por providências e soluções para o caso da Represa do Cervo tem dado resultados ao vereador.

“Represa do Cervo” está a mais de 30 (trinta) anos esta sem manutenção

O vereador João da Silva Filho, Timba do Partido Democratas, protocolou no dia 04 de novembro passado,Ofício de n° 2.525 da Câmara Municipal de Assis, junto ao Grupo de Atuação de Defesa do Meio Ambiente – GAEMA, solicitando na condição de vereador, providencias quanto a atual situação da “Represa do Cervo”,  manancial que abastece 80% de Assis, e que a mais de 30 (trinta) anos esta sem manutenção, motivo de assoreamento, de uma grande extensão da citada represa.

Timba também relatou no documento que, na atual condição, nos períodos de prolongada estiagem, como o que vem ocorrendo recentemente, existe o sério risco do manancial ficar aquém de sua capacidade e levar a um colapso o abastecimento, produzindo prejuízos incalculáveis ao meio ambiente e à população, motivo pela qual o vereador pede que seja tomadas as providencias cabíveis o mais breve possível.

No dia 11 de novembro Timba, obteve resposta do pedido de providencias, através do Oficio de n° 556/2014 – GAEMA – Núcleo Médio Paranapanema, assinado pelo Promotor de Justiça Sergio Campanharo, relatando que a  solicitação do vereador quanto a atual condição da Represa do Cervo, foram juntados no Inquérito Civil N° 14.07320000019/2013-7-AMB que apura a ocorrência de eventuais degradações ambientais nas oitos nascentes urbanas, utilizadas no sistema de captação e abastecimento de água e de lançamento de efluentes sanitários de forma irregular no município de Assis.

Timba enviou também cópia do Oficio ao Prefeito Municipal Ricardo Pinheiro, e aguarda resposta, pois a intenção do vereador, se nada for feito, é de apresentar a situação se preciso for ao Governo do Estado,” porque o desassoreamento da Represa do Cervo , precisa acontecer o mais rápido possível” analisa Timba.

#MAIS LIDAS DA SEMANA