Distribuição de kits gratuitos para TV digital já começou na região de Assis

A população deve verificar se tem direito, realizar o agendamento e retirar os equipamentos que dão acesso ao sinal digital.

A distribuição de kits gratuitos às famílias de menor renda atendidas pelo Governo Federal já está acontecendo em Assis e outras 13 cidades da região. O kit, composto por antena digital e conversor com controle remoto, permitirá que mais de 845 mil famílias continuem assistindo TV em seus aparelhos antigos após o desligamento do sinal analógico, que acontecerá em 28 de novembro nas 395 cidades do interior de São Paulo. A distribuição é uma ação realizada pela Seja Digital – entidade não governamental e sem fins lucrativos, responsável pela operação do processo de digitalização da TV no Brasil, atendendo a determinações da Anatel e do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

Para saber se está participando da distribuição, a população deve ligar para a central telefônica gratuita 147 ou acessar o portal www.sejadigital.com.br/kit com o NIS (Número de Identificação Social) em mãos. Se o nome estiver na lista, basta realizar o agendamento para retirada do kit gratuito, que também deve ser feito no site ou central telefônica. Cada família pode escolher o ponto de retirada mais próximo à sua residência, além da melhor data e horário para buscar os equipamentos. Nos pontos de retirada disponibilizados pela entidade, os beneficiários também recebem orientação técnica sobre a instalação da antena digital e do conversor.

“As famílias devem entrar em contato com a Seja Digital o quanto antes para verificar se têm direito ao kit gratuito e já realizar o agendamento. Com os equipamentos instalados, elas poderão assistir à programação da TV aberta com qualidade de imagem e som de cinema, antes mesmo do desligamento do sinal analógico”, comentou Ana Paula Giroto, consultora de mobilização da Seja Digital na região.

Além de Assis, o sinal analógico de TV será desligado em outras 13 cidades da região: Borá, Cândido Mota, Cruzália, Echaporã, Florínea, Lutécia, Maracaí, Palmital, Paraguaçu Paulista, Pedrinhas Paulista, Platina, Quatá e Tarumã. Nesses municípios, a partir de 28 de novembro, todos os televisores devem estar adaptados para receber o sinal digital. Os telespectadores devem verificar se o modelo de TV que possuem é compatível com a nova tecnologia e, caso não seja, conectá-lo a um conversor digital.

#MAIS LIDAS DA SEMANA