Motociclista morre ao bater na traseira da caminhonete em Canitar

Impacto da colisão foi tão forte que a motocicleta pegou fogo. Motociclista morreu no local.

Um motociclista que ainda não foi identificado (cerca de 25 anos) morreu nesta tarde (26) em um grave acidente na rodovia Raposo Tavares em Canitar, região de Ourinhos (a 82 km de Assis). O impacto foi tão violento que o motociclista voou sobre a caminhonete envolvida na batida — que também tombou. A motocicleta pegou fogo. É a quarta morte de motociclista em Marília e região em menos de uma semana.

Com o impacto, a moto pegou fogo

A violência do acidente nesta tarde impressionou até as equipes de socorro que foram mobilizadas para o local. A caminhonete tipo Pampa, placas de Ourinhos, trafegava pela rodovia Raposo Tavares, no sentido Chavantes-Ourinhos, carregada com feno. O motorista disse que quando estava acabando uma subida, o veículo foi violentamente atingido na traseira pela motocicleta que provavelmente estaria em alta velocidade.

O impacto foi tão forte que a Pampa tombou sobre a pista, causando ferimentos nos dois ocupantes. O motociclista literalmente decolou, passando por cima da caminhonete e foi parar no acostamento, morrendo na hora. A moto, possivelmente uma Hornet 600 cc pegou fogo e ficou destruída (possivelmente placas de Ourinhos). Equipes do Corpo de Bombeiros e de emergências foram mobilizadas para o local.

Motociclista morre ao bater na traseira da caminhonete em Canitar

É a quarta morte de motociclista em menos de uma semana na região. Os demais ocorreram em Marília, Garça (distrito de Jafa) e Oriente.

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA