Homem provocou batida em rodovia após matar a mulher a facadas, diz polícia

Ele e o motorista do outro veículo morreram. Filho do casal encontrou o corpo da mãe em casa.

O acidente entre dois veículos que deixou dois mortos na rodovia Miguel Jubran, a SP-333, na altura do quilômetro 415, na noite deste sábado (30), em Tarumã (SP), foi proposital, de acordo com a Polícia Militar.

Segundo a PM, o condutor de um dos veículos, Pedro Paulo Soares da Silva, de 63 anos, havia matado a esposa, Marina José Martiano da Silva, de 59 anos, minutos antes antes da batida entre os veículos. Foi o carro de Pedro que, segundo a polícia, invadiu a pista contrária e bateu de frente com o outro veículo.

Conforme a corporação, o filho do casal encontrou a mãe morta a facadas e pauladas na casa da família, no bairro Maria Isabel, em Assis (SP), e informou à polícia.

A polícia confirmou com o filho do casal que um dos veículos envolvidos no acidente pertencia a Pedro. O passageiro do outro veículo foi encaminhado ao Hospital Regional de Assis. O estado de saúde não foi informado.

Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Assis. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil da cidade.

Duas pessoas morreram em acidente na SP-333 em Tarumã (Foto: Polícia Rodoviária Divulgação)
Duas pessoas morreram acidente na SP-333 (Foto: Polícia Rodoviária/Divulgação )

#MAIS LIDAS DA SEMANA