Mulher tenta entrar com 200 gramas de maconha e cocaína na Penitenciária de Assis

Drogas foram encontradas com visitas de sentenciados ao passarem por procedimentos de revista.

No último final de semana, estabelecimentos prisionais subordinados a Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Oeste do Estado (Croeste) registraram tentativas frustradas de inserção de objetos ilícitos nos presídios e que foram barrados durante os procedimentos de revista.

Os visitantes flagrados são excluídos do rol de visitas e levados à Delegacia de Polícia Civil mais próxima, sem prejuízo de responderem na esfera criminal.

Também é instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade dos presos que receberiam os materiais podendo, ainda, ser instaurados Procedimentos de Apuração Preliminar para apurar supostas responsabilidades funcionais.

No presídio de Assis (SP), um invólucro com 200g de maconha e cocaína seria entregue a um sentenciado da unidade por uma visitante, trazido em oculto na genitália da mulher, mas foi interceptado por funcionários quando apontado pelo aparelho de scanner corporal durante o procedimento de revista.

Ao ser questionada, a mulher admitiu que trouxe a encomenda para o seu companheiro e foi suspensa do rol de visita e encaminhada à Central de Polícia Judiciária para procedimentos.

O sentenciado envolvido, por sua vez, recolhido ao pavilhão disciplinar para providências administrativas.

#MAIS LIDAS DA SEMANA