Fique conectado

Polícia

Homem sofre graves lesões após ser agredido a socos, pontapés e golpes de facão durante roubo em sua casa

Um dos criminosos envolvidos no crime já foi detido pela Guarda Municipal e polícias Civil e Militar. Fato foi registrado em Rancharia.

Publicado em

350

Diversos objetos foram apreendidos na casa do indivíduo (Foto: Guarda Municipal/Divulgação)

Um rapaz, de 19 anos, foi preso após tentar roubar uma residência e agredir um homem, de 58 anos, em Rancharia. O indivíduo e um comparsa foram à casa da vítima, onde pediram água e a renderam. A ocorrência foi registrada na tarde desta terça-feira (7), na Vila Riguete.

Um integrante da Guarda Municipal recebeu informações de que um senhor havia sido espancado durante uma tentativa de roubo. A vítima foi conduzida pelo Corpo de Bombeiros para o Hospital de Rancharia.

Diante da informação, a guarda foi até o hospital, onde constatou que a vítima apresentava graves ferimentos pelo corpo, rosto muito inchado e um corte profundo na cabeça devido a golpe de facão, bem como fraturas em costelas e mandíbula.

A vítima relatou, conforme a guarda, que dois indivíduos bateram palmas em sua casa e pediram-lhe água. Enquanto o homem foi buscar a bebida, um deles o agarrou por trás, aplicou um golpe “mata leão” e o empurrou para dentro da residência.

No interior do imóvel, os indivíduos exigiram que a vítima lhes entregasse seu dinheiro e passaram a agredi-la com socos, pontapés e a golpes de facão.

A vítima conseguiu escapar para pedir ajuda. Enquanto isso, os meliantes permaneceram dentro casa revirando os pertences em busca de dinheiro. Ainda foi relatado pelo morador que, no momento da agressão, um dos meliantes chamou o comparsa pelo nome.

Identificado

Diante da informação, fotos de indivíduos com o referido nome foram mostradas à vítima e um foi reconhecido. Como o rapaz já era conhecido nos meios policiais, os guardas municipais, com apoio das polícias Civil e Militar, seguiram até a residência do suspeito.

No endereço, os agentes localizaram o rapaz dentro do banheiro. Ele recebeu voz de prisão e foi conduzido à Delegacia da Polícia Civil.

Em sua residência ainda foram encontrados notebook, celulares, secador de cabelo, chapinhas de cabelo, bicicleta, ferramentas, duas tocas ninjas e o facão usado para agredir a vítima. Os objetos foram apreendidos.

Consta em Boletim de Ocorrência anterior a denúncia de que objetos semelhantes aos apreendidos foram furtados em outra residência.

A voz de prisão foi ratificada e o indivíduo permanece à disposição da Justiça.

Casa da vítima foi revirada pelos ladrões (Foto: Guarda Municipal/Divulgação)

Polícia

Funcionário do Samu é encontrado morto em acostamento de vicinal em Lutécia

Ele era morador de Lutécia e trabalhava no Samu de Paraguaçu Paulista (SP).

Publicado em

Do i7 Notícias

Rusmar Rober Eufrazio sofreu um acidente com a sua motocicleta, na vicinal que liga Assis e Lutécia

Um funcionário do Samu de Paraguaçu Paulista (SP) não conseguiu ser socorrido com vida. Rusmar Rober Eufrazio, de 40 anos, foi encontrado morto na tarde desta sexta-feira, dia 19, no acostamento da vicinal que liga Assis e Lutécia.

A vítima saiu de Assis por volta das 14h em sua motocicleta, em direção à sua cidade, Lutécia. Por volta das 17h, o seu corpo foi encontrado caído entre os matos do acostamento.

Segundo informações policiais, o corpo foi encontrado após algumas horas do acidente, devido o lugar ser de pouco fluxo de veículos e ele ter caído entre a vegetação.

A causa do acidente será investigada.

(Foto: Manoel Moreno)

(Foto: Manoel Moreno)

(Foto: Manoel Moreno)

Continue lendo

Polícia

Homem que incendiou casa e matou mulher e filha é condenado a mais de 38 anos de prisão

Atuaram no júri o advogado de defesa, João Carlos Merlim; o promotor de justiça, Lucas Travain e o juiz de direito, Thiago Baldani.

Publicado em

Do AssisNews
Danilo dos Santos Costa, de 30 anos (Foto: Reprodução/Facebook)

Após mais de oito horas de julgamento, Danilo dos Santos Costa, de 30 anos, foi condenado a uma pena de 38 anos, um mês e dez dias de prisão pela morte da esposa Franciane Andrade Soares, de 23 anos, e da filha Maria Eduarda Andrade dos Santos, após incendiar a casa em Assis (SP).

A pena foi definida pelo juiz Thiago Baldani durante o juri. O crime aconteceu em janeiro de 2017, quando intencionalmente, o homem ateou fogo na residência que era ocupada pelos os quatro filhos, sendo um de 8 anos, um de 6 seis, um de 2 anos e a mais nova, de apenas 1 ano e meio, além da sogra e da esposa.

Crime

Franciane Andrade Soares e sua filha Maria Eduarda Andrade dos Santos de apenas um ano e meio morreram após Danilo dos Santos Costa, de 30 anos incendiar a própria casa no dia 22 de janeiro de 2017.

Mãe de Maria Eduarda, de 1 ano, morreu neste domingo (Foto: Reprodução/Facebook)

Testemunhas disseram à polícia que, quando o fogo começou, o homem já estava do lado de fora e a porta estava trancada com cadeado pelo lado externo, o que acabou dificultando a saída família.

“O que nós estamos apurando é que a casa estava trancada por fora com cadeado e ele assistia a tudo sem nenhuma reação, não arrombou ou estourou a porta para que saíssem os que dentro da casa se encontravam. Isso aliado ao depoimento da testemunha faz com que nós nos convençamos de que ele foi o autor desse incêndio”, explica o delegado.

Além da criança, outras cinco pessoas estavam na casa e duas delas ficaram feridas. A mãe da criança, de 23 anos, chegou a ser socorrida com ferimentos grave, encaminhada ao Hospital Regional de Assis e transferida à ala de queimados do Hospital Estadual de Bauru. No entanto, Franciane não resistiu aos ferimentos e morreu. A sogra do suspeito, que também mora na casa, teve queimadura leves, foi socorrida e recebeu alta.

O suspeito Danilo dos Santos Costa foi levado para cadeia de Lutécia e vai responder por homicídio duplamente qualificado, por usar meio cruel e impossibilitar defesa. Ele também vai responder por tentativa de homicídio. O pai das crianças nega que tenha ateado fogo na casa, segundo o delegado Luiz Antônio Ramão.

Bebê morreu carbonizado em casa (Foto: Sidevaldo Magalhães da Cunha/Arquivo Pessoal)

“Segundo os vizinhos, as brigas entre o casal eram constantes, com uso de álcool e drogas ilícitas também. Às vezes o suspeito desse incêndio dizia que atearia fogo na casa, o que teria sido feito com a família no interior da residência e ele do lado de fora”, diz o delegado.

A dona de casa Ivone de Lima mora bem ao lado da família e estava acordada quando o incêndio começou. “Eles começaram a brigar e ele falou para ela: vou matar você, vou tacar fogo. Daqui a pouco escutei um baque, já estava amanhecido, mesma coisa de uma bombinha, ai já vi a fumaça e sai correndo”, lembra.

O vendedor Vanderlei Pedroso Pinheiro e outros vizinhos ajudaram a retirar da casa as crianças de 8, 6 e 2 anos, mas a menina de um ano, eles não acharam. “Estava trancada a casa, gritou socorro, salva minhas crianças. Eu e um colega meu arrombamos a porta, puxamos e salvamos as três crianças e a mulher que estava desmaiada, só que o nenezinho nós não achamos. Ele engatinhou, se escondeu.”

Maria Eduarda Andrade dos Santos (Foto: Reprodução/Facebook)

A bebê foi encontrada pelos bombeiros depois que o fogo foi apagado. Ela morreu carbonizada ao lado da cama da mãe e foi enterrada em seguida. As crianças foram levadas pelo Conselho Tutelar para uma casa abrigo.

A avó das crianças conta que dormia quando o incêndio na casa começou.

Ela ficou ferida e já teve alta do hospital. “Eu dormi com as quatro crianças do meu lado, só que a nenê mama peito foi com a mãe, eu dormi e não vi nada. Eu acordei com um rapaz esmurrando a minha porta que estava saindo fumaça. Arrombei a porta embaixo e salvei as três crianças, mas a outra não deu”, conta emocionada Adriana Fiuza.’

Pai é suspeito de atear fogo em casa (Foto: Mara Andriolo/Arquivo Pessoal)

Continue lendo

Polícia

Motorista sofre mal súbito e colide contra quatro motocicletas em Paraguaçu Paulista

As motocicletas estavam estacionadas em frente à loja O Doidão Confecções. Esse foi o segundo acidente registrado na cidade no mesmo dia.

Publicado em

Do i7 Notícias

O motorista perdeu o controle da direção do veículo e colidiu contra as motocicletas (Foto: Manoel Moreno)

Um mal súbito fez o motorista de um Ford/EcoSport se envolver em um acidente, na tarde da última segunda-feira (15) em Paraguaçu Paulista (SP).

Conforme informações colhidas no local, o motorista seguia pela Avenida Siqueira Campos, sentido bairro-centro, e colidiu contra quatro motocicletas que estavam estacionadas em frente à loja O Doidão Confecções.

O motorista relatou que sofreu um mal súbito e perdeu o controle da direção do seu veículo.

Ele foi socorrido pelo Resgate do Corpo de Bombeiros e encaminhado ao pronto-socorro.

O motorista perdeu o controle da direção do veículo e colidiu contra as motocicletas (Foto: Manoel Moreno)

O motorista perdeu o controle da direção do veículo e colidiu contra as motocicletas (Foto: Manoel Moreno)

Outro Acidente

Uma colisão envolvendo dois carros foi registrada por volta das 16h também na segunda-feira, em um cruzamento de ruas do bairro Barra Funda, em Paraguaçu Paulista. O motorista de um dos carros desrespeitou a sinalização de pare, e após o acidente fugiu sem prestar socorro às vítimas.

De acordo com informações colhidas no local, um VW/Gol, ocupado pela motorista e seu filho, seguia pela Avenida José Jorge Estevam, sentido bairro-centro, e ao passar pelo cruzamento com a Rua João Batista Vieira, foi colidido por um VW/Polo, em que o motorista atravessou sem prestar atenção à sinalização.

O motorista do VW/Polo se evadiu do local sem prestar socorro às vítimas. Populares conseguiram anotar a placa e passaram a informação à Polícia Militar.

A motorista do VW/Gol, com dores no pescoço, foi encaminhada ao pronto-socorro pelo Resgate do Corpo de Bombeiros.

Acidente ocorreu no cruzamento da Avenida José Jorge Estevam com a Rua João Batista Vieira, no bairro Barra Funda (Foto: Manoel Moreno)

A motorista do carro reclamava de fortes dores no pescoço (Foto: Manoel Moreno)

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas