Bandidos roubam R$ 22 mil de ônibus com sacoleiros na região

O caso de roubo foi registrado e a Polícia Civil segue apurando a ocorrência.

Um ônibus com 17 sacoleiros da região foi assaltado por grupo armado que levou mais de R$ 22 mil em dinheiro dos passageiros na noite desta quarta-feira (19), em estrada vicinal de Vera Cruz. Nenhum suspeito foi identificado ou preso até a publicação desta reportagem.

O ônibus estava saindo de Marília (SP) em direção a São Paulo para compras na “Feira da Madrugada”, no bairro do Brás, cerca de 430 quilômetros de distância. O grupo era composto de vendedores, empresários, comerciantes, domésticas e aposentados de Marília, Pompeia, Quintana, Ocauçu e Palmital.

Segundo o Boletim de Ocorrência, o motorista do ônibus seguia normalmente e recebeu ordem de parada no trevo de Vera Cruz, onde uma dupla chamada “Valdeci Borges” e “Marcos Antônio” deram sinal de parada. Como os nomes estavam na lista de passageiros, o motorista autorizou o embarque por volta das 21h30.

Quando o motorista estava buscando a última passageira, um dos homens da dupla desceu do veículo em um posto de combustível alegando que uma familiar iria trazer sua carteira que havia esquecido. Após a última passageira embarcar, o homem retornou para o veículo e anunciou o assalto.

O outro criminoso colocou a arma na barriga do motorista e exigiu que ele seguisse por uma estrada vicinal de Vera Cruz. Ainda conforme a ocorrência,  o ônibus seguiu até um local onde outros seis homens aguardavam o veículo. Eles estavam com armas de fogo longas e curtas.

Um dos ladrões ordenou que todos os homens do ônibus tirassem as roupas e questionou se havia algum policial militar por ali. Os assaltantes começaram a vasculhar os pertences dos sacoleiros, exigindo que fosse entregue dinheiro, cartões bancários e aparelhos celulares.

Ainda segundo a polícia, somente em dinheiro eles conseguiram roubar R$ 22.230 dos comerciantes. Diversos pertences também foram levados. Após roubarem todos os passageiros, o grupo tomou rumo ignorado pela estrada vicinal. Eles não causaram nenhuma violência física para os passageiros ou danificaram o veículo.

Após 1h30 do assalto as vítimas conseguiram acionar a Polícia Militar e informar sobre o crime.

O caso de roubo foi registrado e a Polícia Civil segue apurando a ocorrência. Os responsáveis pela excursão, assim como passageiros e motoristas, serão investigados.

#MAIS LIDAS DA SEMANA