Polícia liberta jovem de 18 anos e duas crianças que eram mantidas presas em casa fechada com corrente

Homem foi preso em flagrante por manter mulher e filhos em cárcere privado em Marília (SP). Vítima disse à polícia que era impedida de sair de casa, cuidar da higiene pessoal e até mesmo levar os filhos ao médico.

Delegacia da Mulher (DDM) de Marília (SP) prendeu, nesta terça-feira (11), um homem suspeito de manter uma mulher, de 18 anos, e os dois filhos deles, menores de 2 anos, em cárcere privado e situação de maus-tratos, em uma casa na Vila Hípica.

Segundo a polícia, o local estava sujo e a mulher disse à polícia que era impedida de sair de casa, cuidar da higiene pessoal e até mesmo levar os filhos ao médico. Além disso, as crianças apresentavam sinais de agressão.

A jovem também disse à polícia que havia sido tirada da casa onde morava pelo rapaz quando tinha apenas 10 anos. A história está sendo confirmada pelos policiais.

O suspeito foi encaminhado para a delegacia da cidade, onde aguarda a audiência de custódia. A DDM vai investigar o caso e se houve crimes de sequestro e estupro de vulnerável.

Local onde a mulher e as crianças ficavam estava sujo (Foto: Delegacia da Mulher/Divulgação)

#MAIS LIDAS DA SEMANA