Trabalhador morre após ser soterrado por toneladas de amendoim

Vítima de 43 anos entrou em um silo – estrutura usada para armazenar grãos – para reparar uma esteira quando houve um deslizamento. Resgate levou uma hora e meia; caso aconteceu em Tupã.

Um homem de 43 anos morreu no fim da tarde desta segunda-feira (29), em Tupã (SP), após ser soterrado por toneladas de amendoim enquanto trabalhava em um silo.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, Odair José Gonçalves entrou no silo – estrutura usada para armazenar grãos – para resolver problemas em uma das esteiras, momento em que o cereal deslizou e o soterrou.

Os bombeiros tiveram trabalho para conseguir chegar até o homem devido à instabilidade do local, que apresentava riscos de novos deslizamentos.

O rapaz foi retirado após uma hora e meia de trabalho da equipe de resgate com parada cardiorrespiratória. Ele chegou a ser encaminhado para Santa Casa de Tupã (SP), mas morreu logo após dar entrada no hospital.

A Polícia Militar registrou um boletim de ocorrência e a Polícia Técnica do Instituto de Criminalística foi acionada.

O corpo de Odair foi liberado pelo IML e o velório está sendo realizado nesta terça-feira (30). O enterro será às 17h no Cemitério da Saudade.

Toneladas de amendoim soterraram o homem em Tupã — Foto: João Trentini

#MAIS LIDAS DA SEMANA