Idoso perde casa por dívida e mata comprador antes de entregar imóvel que foi a leilão

Segundo a Polícia Militar, advogado que arrematou casa foi recebido a tiros pelo antigo proprietário, de 66 anos. Idoso fugiu após crime, mas foi achado por policiais perto da casa.

Um advogado de 61 anos morreu baleado nesta terça-feira (2) após ser recebido a tiros pelo ex-dono do imóvel que havia arrematado em um leilão, em Bariri (SP).

De acordo com a Polícia Militar, o imóvel, localizado na área central, foi a leilão após o proprietário, de 66 anos, perdê-lo por uma dívida com uma instituição bancária.

O advogado, que era de Bastos (SP) e arrematou a casa, teria ido até o local com a esposa durante a manhã para tirar as metragens do imóvel. Contudo, foi atingido por um disparo de arma de fogo efetuado pelo antigo proprietário, segundo a PM.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas constatou que o advogado morreu no local devido à gravidade dos ferimentos. A Polícia Científica também foi acionada para fazer perícia.

Ainda de acordo com a PM, o ex-dono fugiu antes da chegada dos policiais militares, mas acabou sendo encontrado pela equipe policial nas proximidades do bairro.

Ele foi levado para a delegacia, onde a ocorrência está sendo registrada. Segundo a polícia, o idoso deverá responder por homicídio.

#MAIS LIDAS DA SEMANA