Homem que arrematou a casa em um leilão foi morto pelo antigo proprietário quando conhecia o imóvel em Bariri (SP) (Foto: Diego Santos/Bariri Rádio Clube)

Um advogado de 61 anos morreu baleado nesta terça-feira (2) após ser recebido a tiros pelo ex-dono do imóvel que havia arrematado em um leilão, em Bariri (SP).

De acordo com a Polícia Militar, o imóvel, localizado na área central, foi a leilão após o proprietário, de 66 anos, perdê-lo por uma dívida com uma instituição bancária.

O advogado, que era de Bastos (SP) e arrematou a casa, teria ido até o local com a esposa durante a manhã para tirar as metragens do imóvel. Contudo, foi atingido por um disparo de arma de fogo efetuado pelo antigo proprietário, segundo a PM.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas constatou que o advogado morreu no local devido à gravidade dos ferimentos. A Polícia Científica também foi acionada para fazer perícia.

Ainda de acordo com a PM, o ex-dono fugiu antes da chegada dos policiais militares, mas acabou sendo encontrado pela equipe policial nas proximidades do bairro.

Ele foi levado para a delegacia, onde a ocorrência está sendo registrada. Segundo a polícia, o idoso deverá responder por homicídio.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Homem foge após abandonar veículo com 250 quilos de maconha

Caso foi registrado nesta terça-feira.

Treze trabalhadores paraguaios são resgatados de condições análogas à escravidão

Vítimas serão indenizadas e devem retornar ao país vizinho.