Fique conectado

Polícia

Polícia identifica os três mortos em confronto; suspeitos estavam armados

Tiroteio aconteceu durante uma operação de combate ao tráfico de drogas na rotatória do anel viário. Nenhum policial militar se feriu.

Publicado em

1.593

Elivelton Ferreira da Silva, Kalwin Cristian Ribeiro e Anderson Godoy Dos Santos (Foto: Divulgação)

Uma operação do 8º Baep – Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Padrão Rota), de Presidente Prudente, realizada no início da noite de quarta-feira (13/11) no Anel Viário Francisco Leandro da Silva, terminou com a morte de três homens. O trio, todos moradores de Palmital, teria trocado tiros com os policiais que vieram até a cidade para apurar denúncia de tráfico de drogas. A polícia confirmou que os mortos são Kalwin Ribeiro, de 28 anos, Anderson Godoy, de 23 anos, e Elivelton Francisco da Silva, de 23 anos.

No carro em que os três homens estavam, segundo a polícia, houve a localização de armamento potente, incluindo três fuzis, e porções de maconha e crack. Devido à complexidade da ocorrência, que mobilizou grande efetivo de reforço por parte da PM, o registro foi encaminhado para a Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Assis. Os policiais do 2º Pelotão da PM de Palmital não atuaram na ocorrência.

Segundo informações oficiais do Boletim de Ocorrência da Polícia Civil, divulgadas nesta manhã pela reportagem da rádio Difusora de Assis, o caso se tratava inicialmente da averiguação de uma ocorrência de tráfico de drogas. Uma equipe do Baep estava em patrulhamento por Assis e recebeu informação de que uma Mercedes prata estava circulando pela região do bairro Paraná, em Palmital, com um fuzil e drogas.

Três armas foram apreendidas com os suspeitos, que foram mortos no tiroteio em Palmital — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Três armas foram apreendidas com os suspeitos, que foram mortos no tiroteio em Palmital — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Os policiais vieram até Palmital, onde conseguiram localizar o carro e tentaram uma abordagem com sinais de luz e som. Porém, o motorista fugiu em alta velocidade e foi perseguido. No Anel Viário, nas proximidades da rotatória com o prolongamento da rua Sete de Setembro, na saída para a Raposo Tavares, o veículo teria parado.

Conforme informações oficiais da PM reportadas pela Rádio Difusora, o passageiro da frente teria descido com um fuzil e atirado contra a PM. Um policial revidou e atingiu o homem, que morreu no local. Em seguida, teria começado o tiroteio quando o motorista e o passageiro de trás também desceram e atiraram com fuzil e espingarda. Eles também foram mortos na troca de tiros com os policiais.

A polícia divulgou também que, durante a ocorrência, foram apreendidos no veículo três fuzis, uma espingarda, quatro pistolas, três revolveres, três celulares e uma mochila com cerca de 4 quilos de maconha e quatro porções de crack. O comando do policiamento afirmou ainda que, diferentemente das primeiras informações recebidas pela imprensa, não houve policial ferido na ação em Palmital.

Durante a noite e o início da madrugada o trecho do Anel Viário entre a Sete de Setembro e extensão da Sete de Setembro ficou completamente interditado sob forte aparato policial para o registro da ocorrência e os trabalhos da Polícia Científica. Os corpos dos jovens mortos durante a troca de tiros foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Assis, para a necropsia.

Por volta das 11h30 desta quinta-feira (14/11), o corpo de Kalwin estava liberado pelo IML e seria trazido para Palmital. O velório está previsto para ocorrer a partir das 14 horas no Memorial Aliança, com sepultamento previsto para as 17h30. Anderson ainda está em Assis e seu corpo deverá ser trazido à tarda para o velório, também no Memorial Aliança. O sepultamento ocorre às 17 horas. Não há informações sobre o local e horário do funeral de Elivelton.

Após a conclusão dos trabalhos em Palmital, o caso foi encaminhado para a CPJ de Assis, para os trabalhos de registro da polícia judiciária. A Polícia Civil deverá apurar as circunstâncias da ocorrência, incluindo qual era o destino das drogas apreendidas. Outro trabalho será identificar a procedência do armamento e a para qual finalidade ele seria usado.

Polícia

Polícia prende suspeito de matar jovem transexual e deixar corpo às margens de rodovia

Segundo a polícia, a jovem de 23 anos era garota de programa e o suspeito seria um cliente. Em depoimento, ele confessou o crime e disse que matou a vítima por asfixia após ela tentar extorqui-lo.

Publicado em

Do G1
Morador encontra corpo de jovem transexual em propriedade rural de Marília — Foto: Facebook/Reprodução
Morador encontra corpo de jovem transexual em propriedade rural de Marília — Foto: Facebook/Reprodução

A Polícia Civil de Marília (SP) prendeu na tarde desta terça-feira (10) um homem de 44 anos suspeito de matar uma jovem transexual. O corpo de Marcelle Brandina, como era conhecida, foi encontrado na altura do quilômetro 348 da Rodovia Rachid Rayes (SP-333) por uma pessoa que colhia mangas na região.

Segundo o delegado responsável pelo caso, Valdir Tramontini, a vítima era garota de programa e o suspeito seria um cliente dela.

Ainda de acordo com as investigações, os dois se encontraram em um hotel em Vera Cruz na tarde de segunda-feira (9) e homem, que confessou o crime durante depoimento na delegacia, disse que matou Marcelle por asfixia, com um golpe mata-leão, após ela tentar extorqui-lo.

A Polícia Militar e a perícia técnica haviam informado, após o corpo ser encontrado, que havia um ferimento possivelmente causado por tiro nas costas, no entanto, não foi confirmado no exame necroscópico, que apontou a causa da morte por asfixia.

O delegado informou ainda que o homem não tem passagem pela polícia. Ele foi encontrado em uma área rural na região de Marília e tentava suicídio, mas foi impedido pelos policiais.

Ainda segundo Tramontini, a vítima foi morta no hotel e depois o suspeito levou o corpo até a propriedade rural às margens da rodovia.

Corpo foi encontrado às margens de rodovia em Marília — Foto: Arquivo pessoal

Corpo foi encontrado às margens de rodovia em Marília — Foto: Arquivo pessoal

O homem também retornou o hotel para pegar o carro de Marcelle, que foi localizado próximo ao Samu em Marília. Ele teve a prisão temporária decretada e foi encaminhado para a cadeia pública de São Pedro do Turvo.

A família da jovem chegou a procurar a polícia para informar o desaparecimento dela. Contudo, quando os familiares chegaram à delegacia de Tupã, onde moram, foram informados sobre a morte dela.

Continue lendo

Polícia

Corpo de jovem é encontrado com tiro nas costas próximo à SP-333

Vítima foi encontrada por homem que colhia mangas na região. Segundo a polícia, corpo foi encontrado sem sinais de decomposição, o que levanta a suspeita de que ela foi morta há pouco tempo.

Publicado em

Do G1
Morador encontra corpo de jovem transexual em propriedade rural de Marília — Foto: Facebook/Reprodução
Morador encontra corpo de jovem transexual em propriedade rural de Marília — Foto: Facebook/Reprodução

Um morador encontrou o corpo de uma jovem transexual, de 23 anos, em uma propriedade rural próxima a Rodovia Rachid Rayes (SP-333), na manhã desta terça-feira (10), em Marília (SP).

Segundo a Polícia Rodoviária, o corpo de Marcelle Brandina, como era conhecida, foi encontrado na altura do quilômetro 348 da rodovia, por uma pessoa que colhia mangas na região.

A Polícia Militar informou que a vítima tinha uma marca de tiro no lado esquerdo das costas e o corpo foi encontrado sem sinais de decomposição, o que levanta a suspeita de que ela foi morta há pouco tempo.

A família da jovem foi até a Central de Polícia Judiciária de Tupã (SP), durante a manhã, para registrar o desaparecimento dela.

Segundo a polícia, quando os parentes estavam na delegacia, receberam a informação de que ela foi encontrada morta em Marília. A Polícia Civil investiga o caso.

Continue lendo

Polícia

Homem morto em acidente em Palmital é identificado

Vítima tinha 46 anos e era morador de Campos Novos Paulista.

Publicado em

Do Jornal da Comarca
Vinicius dos Santos Francisco, de 46 anos, era morador de Campos Novos (Foto: Arquivo Pessoal)

O motociclista Vinicius dos Santos Francisco, de 46 anos, morreu no início da tarde desta segunda-feira (09) em acidente na rodovia Nelson Leopoldino, em Palmital (SP). Ele era morador de Campos Novos Paulista e pilotava uma moto que se chocou contra uma caminhonete no trevo de acesso à Raposo Tavares. Devido à violência do impacto, teve morte no local. Seu irmão Rosemiro Aparecido Francisco, de 40 anos, estava na garupa e sofreu ferimentos leves.

Segundo informações policiais, o acidente ocorreu por volta do meio-dia, quando a picape VW Saveiro utilizava a alça do quilômetro 418 da Raposo Tavares para entrar na Nelson Leopoldino, em sentido a Palmital. A Yamaha Fazer 250 com os dois irmãos veio de Campos Novos Paulista pela pista oposta e havia passado por baixo do viaduto.

De acordo com registros da polícia, que ainda vai apurar as circunstâncias do acidente, a picape teria entrado na pista da Nelson Leopoldino, sendo atingida na lateral dianteira direita pela moto. A Saveiro, que pertence a uma empresa do município, era conduzido por um motorista de 23 anos que estava acompanhado de um colega de trabalho.

Com a violência da batida, os dois irmãos foram jogados ao solo. Vinicius teve lesões fatais e foi a óbito no local. O corpo da vítima foi levado para o IML de Assis, para necropsia. Posteriormente. Rosemiro foi socorrido pelo Samu até o Pronto-Socorro da Santa Casa de Misericórdia de Palmital. Ele sofreu fratura em uma das pernas e ferimentos de natureza leve, não correndo risco de morte.

A Polícia Rodoviária Estadual fez o primeiro atendimento à ocorrência e acionou a Polícia Civil, que fez a qualificação das partes e acionou o Instituto de Criminalística de Assis, que realizou a perícia no local. Vinicius era casado e deixou três filhos e dois netos.

Motociclista morre em acidente em rodovia de Palmital (Foto: Jornal da Comarca)

Motociclista morre em acidente em rodovia de Palmital (Foto: Jornal da Comarca)

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas