Jabuti e papagaio apreendidos na região serão abrigados na APASS em Assis

Equipe localizou em uma chácara uma gaiola com um papagaio-verdadeiro e, em um viveiro de alambrado coberto com telhas, dois jabutis-piranga.

Jabutis e papagaio foram apreendidos pela Polícia Ambiental — Foto: Polícia Ambiental

Jabutis e papagaio foram apreendidos pela Polícia Ambiental — Foto: Polícia Ambiental

A Polícia Militar Ambiental multou em R$ 1.500 um homem de 50 anos por manter em cativeiro animais da fauna silvestre. O fato foi registrado neste domingo (23), em Panorama.

Durante patrulhamento, uma equipe foi até uma chácara para constatar eventuais ilícitos na esfera ambiental. No local, o proprietário da chácara foi contatado e, ao ser cientificado da ação, autorizou e acompanhou a fiscalização nas dependências do imóvel.

No fundo da chácara havia uma gaiola com um papagaio-verdadeiro e, em um viveiro de alambrado coberto com telhas, havia dois jabutis-piranga.

Questionado, o envolvido informou que os animais lhe pertenciam com a finalidade de estimação.

Com os fatos, foi elaborado um Auto de Infração Ambiental no valor de R$ 1.500 por ter em cativeiro espécimes da fauna silvestre.

Os jabutis e o papagaio foram apreendidos por estarem domesticados e serão destinados para a Associação Protetora dos Animais Silvestres (Apass) de Assis para o devido acompanhamento.

Papagaio-verdadeiro foi localizado em chácara, em Panorama — Foto: Polícia Ambiental

#MAIS LIDAS DA SEMANA